0

O Sol, finalmente, começa a levantar-se no horizonte de 2020

Todas as previsões que você leu sobre 2020, começam, de verdade, a partir deste dia.

17 mar 2020
14h36
atualizado em 23/3/2020 às 18h44
  • separator
  • 0
  • comentários

Apesar de comemorarmos o ano novo baseados no calendário Gregoriano, no dia 1 de Janeiro, o ano novo para a astrologia começa, de fato, em torno de 20 de março. Esta data marca a entrada do Sol em Áries, e Marte, que regeu 2019, entregará o poder ao Sol, astro que será o regente de 2020. Um novo ano astral começará definitivamente, com encerramento em marte de 2021. O ano novo e todas as previsões para 2020, portanto, só começam agora.

Ter o Sol como regente do ano nos traz grande esperança, especialmente neste momento medular no qual o planeta vive. O sol, nosso astro Rei, ilumina tudo o que toca e traz à tona, a consciência iluminada. O Sol é o doador de vida para nós humanos e sua regência – digo isso com muita esperança–, pode trazer de volta a todos uma nova vida, mais iluminada. Em tempos como este que vivemos, a regência do Sol nos traz esperança de cura, de retomada de vida, de Luz!

Foto: David Monje/ Unsplash / Reprodução


Segundo a mitologia, o deus Sol está relacionado com a fertilização da terra e com a produção dos alimentos. Ele é quem define aquilo que em psicologia chamamos de a jornada do herói, ou seja, nossa trajetória de luta e crescimento diante dos desafios da vida.

O Sol é progressivo, um princípio ativo, dinâmico, que nos empurra para a frente, para o crescimento e a evolução da consciência.

Em tempos de coronavírus, a regência do Sol traz a esperança de algo ser descoberto para a cura, mas, acima de tudo, promete iluminar a consciência humana. Nenhum de nós será o mesmo depois deste ano regido por Marte. Agora, a chegada do Sol, brilhando no horizonte do planeta, traz de volta a possibilidade de uma nova vida e a esperança para todos nós.

Nossa consciência deve ser aprofundada. Devemos, a partir de agora, conhecer o que, de fato, nos torna mais felizes, e investir no que é essencial às nossas vidas. Este é um importante momento para percebermos que a vida é muito mais que trabalhar, comer, procriar e morrer. Os desafios do dia a dia, vão nos mostrar quem exatamente somos. Passamos por transformações profundas.

Este promete ser um ano astral de luta, na direção do sucesso e do poder, seja qual for o significado dessas palavras para você mesmo. Nossos objetivos ficam mais claros e a busca pelo autoconhecimento mais apurada. O Sol ilumina, mas faz sombra e, certamente, será um ano de luta e crescimento, mas de enfrentamento com nossa sombra humana. A união de Saturno e Plutão, planetas relacionados com o lado mais sombrio da vida, ajudarão a mostrar esse viés.

O melhor que podemos fazer por nós mesmos é manter a conexão com nossa consciência e alimentarmos o autoconhecimento, que nos leva sempre à maior liberdade.

Comemore o novo ano astral, pois ele chega iluminando as trevas criadas pela passagem de Saturno e Plutão em Capricórnio. Vamos lembrar que, no dia 22, Saturno deixa Capricórnio e começa sua caminhada, por pelo menos três meses, através de Aquário, o que nos traz novas esperanças.

Um novo remédio ou vacina, deve ser descoberto em pouco tempo e poderemos, lentamente, retomarmos nossas vidas, com mais consciência do valor da liberdade, da fraternidade e da igualdade. Por enquanto, devemos seguir e obedecer rigidamente as regras impostas por quem entende profundamente do assunto.

Veja também:

Fonte: Eunice Ferrari
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade