1 evento ao vivo

Por que o yoga é capaz de auxiliar a saúde mental? Confira!

Descubra como o yoga pode fortalecer a sua saúde mental

27 ago 2020
12h07
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Faça exercícios de yoga sem sair de casa -
Faça exercícios de yoga sem sair de casa -
Foto: Ketut Subiyanto/Pexels / João Bidu

Na sua opinião, você tem cuidado da sua saúde mental? Em tempos de pandemia, nunca foi tão importante dar atenção à saúde da nossa mente. Afinal, o isolamento social, as mudanças na rotina, o medo de ser contaminado(a) pelo coronavírus, além de todas as dificuldades sociais e financeiras geradas pela pandemia, são como gotas d'água que, aos poucos, enchem o copo que simboliza a mente.

Chega um momento que não é mais possível tolerar as circunstâncias e, assim, transbordamos sentimentos reprimidos que podem ser manifestados por meio da ansiedade, estresse, depressão, angústia e dores físicas. 

Esvaziar o copo, isto é, livrar a mente de toda essa pressão causada pelo atual momento é um ato de carinho consigo mesmo(a). Assim, você não está dando as costas para os problemas, mas cuidando para que eles não enfraqueçam a sua saúde física e, principalmente, a emocional.

O yoga pode ajudar a controlar as emoções e, por isso, o exercício é capaz de auxiliar a saúde mental durante a quarentena. Além disso, pessoas com traumas, depressão, ansiedade, ou transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) conseguem encontrar apoio emocional com a prática da atividade. Então, confira como o yoga é um conjunto de técnicas ideais para fortalecer o corpo e a mente.

Benefícios do yoga para a saúde mental

O yoga tem como base a ideia de propagação do amor e do desenvolvimento do autoconhecimento. As posições foram criadas para a pessoa ter consciência do próprio corpo; trabalhando cada área corporal para que o todo seja beneficiado.

Durante a prática, um dos elementos fundamentais é a concentração no momento presente. Isto quer dizer que não há espaço para os pensamentos ansiosos sobre o futuro, porque a mente fica totalmente focada no que está acontecendo no agora.

Só com a prática da concentração plena já é possível cuidar da saúde mental, fortalecendo a mente para que haja uma barreira de proteção contra os pensamentos negativos, os medos e as dúvidas. Porém, o yoga consegue ir além, despertando a consciência para as outras funções do corpo, bem como a respiração.

Controlar a respiração, observando a maneira como ela ocorre no corpo, é uma das maiores técnicas de relaxamento e, por isso, é comum sentir-se mais calmo(a) após uma sessão de yoga. Cada posição do exercício deve ser executada com foco na respiração que, por vezes, é lenta e profunda. Assim, os batimentos cardíacos ficam mais serenos e o corpo mais leve. As dores físicas também são aliviadas, já que o yoga ajuda na flexibilidade e no fortalecimento dos músculos e dos ossos.

Sentir-se bem com o próprio corpo é tirar um grande peso da mente, não é? O yoga, portanto, é uma ferramenta de autocuidado e de elevação da autoestima. Isso porque, com o tempo, você terá mais conhecimento sobre quem você é e sobre quem você gostaria de ser. Confundir o real com o imaginário traz muitas perturbações para a mente, porém, conhecendo mais a sua essência você conseguirá diferenciar o que faz parte do seu interior e o que é reflexo do mundo externo.

Outro ensinamento que o yoga proporciona é acerca da conexão entre as pessoas. Fazer o bem para o outro é propagar o amor pelo mundo. Atos de carinho e bondade causam uma grande satisfação dentro do ser, porque reforçam a ideia de que nossas atitudes podem fazer a diferença na vida de alguém. Compreender que a felicidade do outro também é minha quebra as correntes do egoísmo.

Uma sessão de yoga, portanto, traz conhecimentos que podem ampliar a consciência que temos do mundo e, principalmente, de nós mesmos. Dessa forma, a saúde mental torna-se mais forte e, consequentemente, cresce a qualidade de vida.

Veja também:

Beirute: A mãe em trabalho de parto durante a explosão
João Bidu
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade