0

Numerologia

2018 será regido pelo número 2

iStock

Vencerá em 2018 quem for mais cooperativo, diplomata, inteligente e amável nas relações pessoais e profissionais.

11 dez 2017
08h00
  • separator
  • comentários

Se 2017, regido pelo n° 1, foi um ano muito favorável para as pessoas serem mais individuais e pensarem mais em si, 2018 será bem diferente. O novo ano será regido na numerologia pelo número 2, e irá predominar as relações pessoais, amorosas, parceiras, amigáveis a familiares. Este ano, além de manter nossa individualidade, iremos aprender ou reaprender que na vida precisamos de outras pessoas para crescer, trocar afeto, amores, amizades, decepções e conversar para ser mais humano e feliz.

Vencerá em 2018 quem for mais cooperativo, diplomata, inteligente e amável nas relações pessoais e profissionais. Use sua empatia para ganhar amigos e parceiros. Evite brigas desnecessárias. Faça aliados, e não inimigos. 2018 será favorável para união, sociedade, associação, namoro, casamento, parceria, novas amizades e romance.

Quem busca por um par amoroso, uma alma gêmea, uma relação afetiva seria, que deseja namorar, noivar e casar, terá em 2018 um ano ideal e muito favorável. Mas, cuidado: 2018 pode ser perigoso para os mais afoitos e carentes afetivos. Para acabar com a solidão do coração, muitos irão ter relações perigosas, sofrer traições, ter decepções e serão usados emocionalmente.

Será um ano da paciência e colaboração. Teremos que aprender a trabalhar e viver mais em grupo. O ano será da tolerância, que tanto falta hoje no mundo.

Não tenha pressa, 2018 será um ano mais lento e cauteloso. Aproveite para reavaliar suas metas e ter mais sonhos. Todos vão vencer no final. Mas, pare de hesitar. Decida logo o que deseja para sua vida.

Sobre Franco Guizetti

Ficou com dúvida? Quer saber mais sobre o trabalho profissional de Franco Guizzetti? Orientação Pessoal, Tarot, Feng Shui e Coaching Holístico? Quer saber valores? Entre em contato com ele, clique aqui .

Veja também

Lua de Saturno pode conter vida

Franco Guizzetti Franco Guizzetti

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade