5 eventos ao vivo

O eclipse passou, mas as energias continuam pesadas

Após eclipse do dia 16, fim de semana deve ser de introspecção

18 jul 2019
09h00
  • separator
  • 0
  • comentários

Durante este mês, desde seu primeiro dia, passamos por dois eclipses pesados e continuamos debaixo das energias de Mercúrio retrógrado, que a partir do dia 19, retorna ao signo de Câncer.

Com Mercúrio retrógrado, Vênus, Nódulo Lunar norte e o Sol, todos em Câncer e recebendo um tenso aspecto de Saturno e Plutão em Capricórnio, podemos sentir que as pressões continuam e que nossas angústias, de certa maneira, também continuam. Vamos passar por um fim de semana em que a intimidade, a reflexão, interiorização e a introspecção ainda estarão presentes.

O Eclipse Lunar Parcial pode ser visto de Sorocaba, interior de SP. O fenômeno aconteceu nessa terça-feira (16), dia que foi comemorado os 50 anos do lançamento da missão americana Apolo 11, missão que levou astronautas pela primeira vez a Lua em 1969
O Eclipse Lunar Parcial pode ser visto de Sorocaba, interior de SP. O fenômeno aconteceu nessa terça-feira (16), dia que foi comemorado os 50 anos do lançamento da missão americana Apolo 11, missão que levou astronautas pela primeira vez a Lua em 1969
Foto: Cadu Rolim / Fotoarena / Estadão Conteúdo

No dia 22, o Sol deixa Câncer e começa a caminhar através de Leão e, imediatamente começa a receber a tensão de Urano em Touro, o que mostra que o Universo começa a desenhar um período de libertação para todos nós. Mas ainda começa a desenhar porque Mercúrio retrógrado, Vênus e Nódulo Lunar norte continuam em Câncer e sob pressão, diminuindo nossa energia vital e aumentando as angústias, especialmente no que diz respeito aos relacionamentos.

Entre os dias 22 e 24, nossa deusa do amor, Vênus, passa pelo ponto do último eclipse, o que pode desencadear algumas mudanças mais importantes nas relações. Fique atento.

No dia 28, é a vez de Vênus deixar Câncer, o que já melhora consideravelmente as energias. Mercúrio deixa Câncer somente em 12 de Agosto. Com a entrada do Sol e Vênus em Leão, as energias ganham luz, depois de semanas vivendo sob as densas energias de planetas sob a pressão de Saturno e Plutão, o que podemos relacionar com tranquilidade à momentos de escuridão. 

Portanto, a partir do dia 22 e depois, com mais força, do dia 28, sentiremos um grande alívio e a volta da alegria e do otimismo em nosso espírito. 
Vênus e Sol unidos em Leão no fim do mês, darão o tom que começa em Agosto, mês temido sem nenhuma razão, por muita gente.

Agosto é mês 8, o número da transformação. Mas, com a luz do Sol unida a Vênus já no primeiro dia do mês, podemos começar a nos preparar e comemorar para o raiar de novos dias, mais agradáveis, mais iluminados.

Por hora, ainda precisamos ter muita paciência e devemos sim, encontrar  momentos para refletir em meio às nossas tarefas diárias. Meditem, façam rituais de limpeza energética, pois ainda estamos fazendo uma travessia energeticamente pesada.

Um olhar direcionado para um futuro próximo, pode ajudar!

Veja também:

Fonte: Eunice Ferrari
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade