0

Horóscopo

O céu do mês de julho traz mudanças radicais

Adobest / iStock
1 jul 2018
00h01
  • separator
  • comentários

Julho começa com cinco planetas retrógrados: Marte, Júpiter, Saturno, Netuno e Plutão, além de trazer dois eclipses, um Solar no dia 12 a 20 graus de Câncer e um Lunar no dia 27, a 4 graus de Aquário. 

Já podemos presumir que julho não será um mês fácil, daqueles cheios de acontecimentos que não passam despercebidos. 

Já no primeiro dia, Mercúrio estará em Leão recebendo um tenso aspecto de Marte e Urano, tornando a comunicação mais intensa, mas também mais irreverente e impulsiva. Todos devemos tomar cuidados redobrados com a impulsividade e a necessidade de dar opiniões, mesmo quando não somos chamados. Há forte dificuldade de reflexão, o que pode resultar palavras soltas, sem nenhum processo lógico. 

No dia 06, a Lua entra em sua fase minguante em Áries, chega em tenso aspecto com Plutão em Capricórnio, apontando para dias emocionalmente intensos e forte necessidade de finalizar situações que devem passar por mudanças significativas. Devemos, durante esses dias, abrir espaços em nossas vidas para que um novo ciclo possa começar. 

No dia 10, Vênus deixa Leão, começa sua caminhada através de Virgem e todos nos tornamos mais metódicos e organizados, mais perfeccionistas e voltados para o trabalho. Deixamos nossa necessidade de amor e afeto de lado e nos tornamos mais racionais. 

Nos últimos minutos do dia 12, a Lua começa um novo ciclo, entra na fase nova a 20 graus de Câncer. Chega em tenso aspecto com Plutão e acompanhada de um eclipse, prometendo mudanças radicais e intensas a todos nós. Vamos lembrar que as energias de um eclipse costumam nos influenciar por pelo menos seis meses, podendo chegar a dois anos sua influência sobre nossas vidas. Quem tiver algum planeta entre 15 e 25 graus de Câncer, Capricórnio, Libra e Áries poderá sentir com muita força a influência desse eclipse.

No dia 22, o signo de Câncer começa sua caminhada anual através de Leão, recebe imediatamente um tenso aspecto de Urano em Touro e de Marte em Aquário, marcando o início de um período de movimento intenso em nossos corações. Especialmente leoninos do primeiro decanato sentirão a força da necessidade de libertarem-se de pessoas e situações que impedem seu crescimento. O instinto de liberdade, de todos nós, fica muito intenso.

No dia 27, a Lua continua seu ciclo e entra em sua fase cheia aos 4 graus de Aquário. Chega unida a Marte, em tenso aspecto com Urano em Touro e também acompanhada de um eclipse, marcando o início de um período em que o instinto de liberdade aumenta ainda mais. É muito importante que paremos para ouvir a voz de nossas almas, pois muitas situações e pessoas, podem ser deixadas para trás nos próximos seis meses. Muitas mudanças importantes e, muitas vezes radicais, começam a acontecer durante este mês. 

Fonte: Eunice Ferrari

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade