0

Mamãe Oxum: Prosperidade e a Fertilidade em nossas vidas

Saiba mais sobre Oxum!

15 out 2020
15h02
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Saiba mais sobre Oxum!  - Joa Souza/Shutterstock
Saiba mais sobre Oxum! - Joa Souza/Shutterstock
Foto: João Bidu

Mamãe Oxum está ligada ao feminino e a fertilidade. Ela ensina as mulheres a honrar a menstruação, a valorizar o poder feminino e o poder que o sangue menstrual tem, que é vida, força e magia da essência da mulher, além de mostrar a força e fertilidade de gerar filhos.

Oxum atua no campo vibracional da fertilidade, mas não é limitada só a fertilidade de gerar filhos, mas da manifestação da prosperidade e criação de nossas vidas. Ou seja, Oxum atua na prosperidade financeira também.

Oxum é dona do ouro e da fartura. Mas o ouro que é de nossas vidas, nossa saúde, nosso equilíbrio emocional e nossas realizações pessoais.

Ela é chamada de Mamãe Oxum por que é dela a responsabilidade de zelar, cuidar dos fetos desde o momento da fecundação até o momento do nascimento. Após nascer o bebê, ela entrega a Mãe Yemanjá, que passa para as mãos dos Orixás de cabeça que vão acompanhar aquela criança por toda a vida.

Como ensina a Yalorixá Mônica Berezutchi, Oxum é a mãe d'água e nenhum ser humano pode viver sem a água, ou seja, ninguém pode viver sem Oxum.

Ela é a observadora do caráter do ser humano, das emoções, é a água que tomamos banho todos os dias e nos purifica. É a água que bebemos todos os dias. Isso é Oxum em nosso corpo físico.

Qualidades de Oxum:

Oxum Apará: Trabalha em vibração com Ogum. Essa é considerada a mais jovem Falangeira de Oxum;

Oxum Ijimum: Trabalha em vibração com Iemanjá. Considerada uma velha Oxum, também conhecida por Ijimú, Ijumú, Jumu,jumum Ou Ygemum;

Oxum Iápondá: Trabalha em vibração com Oxaguiã (Oxalá Jovem). Característica principal de ser guerreira, essa Oxum leva no seu nome a homenagem a sua cidade, Iápondá, na qual ela era rainha;

Oxum Ifé: Trabalha em vibração com Xangô. Tem a força da cachoeira que cai da pedreira;

Oxum Abalu: Trabalha em Vibração com Omulú, Iansã, Ogum e Oxossi. Essa é considerada uma velha Oxum;

Oxum Oxogbo: Trabalha na vibração de Iemanjá e Oxalá. É o aspecto maduro da Orixá feminina. Muito vaidosa de beleza extrema, também conhecida como Abotô, Yaboto, Botô ou Ogbo;

Oxum Ajagura: Trabalha em vibração com Iemanjá e Xangô;

Saudação: Ora ye ye ô (senhora da beleza e das virtudes!)

Oferenda a Oxum

Omolokum

Ingredientes:

• 500gr de feijão fradinho

• 1 cebola

• azeite de oliva

• 8 ovos • 250gr de camarão fresco

• 1 tigela de louça branca

• 1 quartinha de louça branca

• 1 garrafa de vinho licoroso doce e branco

• 1 Maço de flores do campo amarelas

Preparo: Cozinhe o feijão fradinho e reserve. Cozinhe os 8 ovos e reserve. Limpe o camarão. Refogue a cebola em azeite de Oliva. Refogue o camarão até dourar. Bata o feijão Fradinho já cozido no liquidificador e junte ao refogado, mexendo até engrossar. Coloque na tigela de louça, enfeite com os 8 ovos cozidos e regue com bastante oliva.

Enfeite com algumas flores.

Coloque todo seu amor para conseguir acessar o amor de Oxum. E que o Axé de Oxum seja presente em sua vida!

TEXTO: Mary Archangel | Taróloga, Facilitadora de Desenvolvimento Feminino, Terapeuta e Psicoterapeuta tântrica

Veja também:

Venezuela: os trabalhadores da saúde com salários de US$ 4 por mês e sem equipamentos de proteção
João Bidu
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade