PUBLICIDADE

Entenda por que as mães adoram a técnica do Feng Shui

Na semana do Dia das Mães, entenda um pouco mais sobre a técnica chinesa que harmoniza a energia da casa e lar

6 mai 2021 09h00
| atualizado às 12h23
ver comentários
Publicidade

Feng Shui pode ser associado às mães? Aquelas supermulheres que cuidam da casa, família, marido e filhos com amor, equilíbrio, paciência e zelo inacreditáveis? E ainda trabalham fora e estão sempre lindas e charmosas. A resposta é "sim".

Para responder à essa pergunta, comecei a lembrar da primeira vez que ouvi falar de Feng Shui, no começo dos anos 90. Durante a visita de uma amiga à minha casa, ela contava, toda entusiasmada, sobre uma nova técnica sobre harmonização de energias de ambientes - Feng Shui, "uma ciência chinesa bárbara que está deixando minha casa bonita e meus filhos mais equilibrados, pois estão dormindo melhor agora, corrigindo os problemas de energia do quarto deles", ela disse.

Feng Shui: a harmonia do universo tem dedo de uma mãe
Feng Shui: a harmonia do universo tem dedo de uma mãe
Foto: iStock

Ela começou a falar como uma mãe que, preocupada com possíveis problemas da casa e seus pontos positivos, aplicava o Feng Shui para deixar os ambientes mais sadios energeticamente. Falou sobre o 'Canto da Prosperidade' e que não devíamos deixar a porta do banheiro aberta, pois rouba a energia. Disse que devemos evitar entulhos e bagunças, pois estes provocam energia estagnada e mil outras dicas de uma mãe zelosa. Achei muito interessante, mas esqueci do assunto por um tempo.

Nesta época, uma revista brasileira de decoração começou a lançar edições especiais sobre Feng Shui. A ideia era muito simples: decorar a casa e deixar os ambientes com a energia em equilíbrio. A partir de então, o Feng Shui começou a ganhar força no Brasil. Quem falava e aplicava Feng Shui nesta época? Mães e mulheres, com certeza. Homens nem sabiam do que se tratava ou faziam cara feia. Mas, se as mulheres falavam que iam mudar a energia da casa e favorecer a família, os pais até gostava e também faziam.

No entanto, fica a dúvida: afinal, o que leva o Feng Shui ter alma de mãe ou as mães gostarem tanto do Feng Shui? Os dois, mães e Feng Shui, têm a mesma Missão: harmonizar e deixar a casa e a família mais bonitas e com boas energias.

Como as Mães usam o Feng Shui e por que?
Simples: mães são mulheres e, por isso:

Detalhistas: é impressionante o potencial das mães para captar os mínimos detalhes que uma mulher tem quando começa a observar um ambiente. São capazes de ver detalhes que passariam despercebidos, mas que podem mudar a energia de um lugar ou pessoa. E são nesses detalhes que, muitas vezes, o Feng Shui se apoia para transformar as energias e harmonizá-las.

Super intuição feminina: quando se aplica o Feng Shui, além da inteligência e sabedoria, a pessoa deve usar a intuição - uma das formas de "ver" a energia dos ambientes é saber quais as "curas". Intuição é sinônimo de mulher e mãe.

Sensibilidade: outro aspecto importante na aplicação do Feng Shui pelas mulheres é a sensibilidade. A mãe nunca negou nem negará sua facilidade de sentir a energia dos ambientes e das pessoas. Aquilo que os olhos não veem, a mulher pode sentir. O radar feminino ajuda a detectar os pontos problemáticos de um ambiente e de seus moradores.

Melhorar e harmonizar sempre: por se preocupar em melhorar, harmonizar e transformar as energias de sua vida, da casa e da família, a mulher descobriu que pelo Feng Shui pode alcançar estes resultados.

Sempre na vanguarda: as mulheres e mães estão sempre atentas às novidades e inovações que podem melhorar sua casa e sua vida. Há poucos anos, o Feng Shui era uma técnica pouco conhecida, mas, a partir da vontade de experimentar, as mulheres conheceram melhor o Feng Shui.

Coragem de mudar: quando a mulher percebe que algo não está bem, ela tem coragem de assumir o problema e de procurar formas para resolvê-los. O Feng Shui, na maioria dos casos, não vem para resolver o problema, mas ajuda a transformar a energia.

A preocupação com o belo: quando as mães começaram a aplicar o Feng Shui, a técnica era usada para decoração, com o intuito de deixar a casa mais bonita.

Tudo isso mostra a intimidade que existe entre o Feng Shui e a mulher. Não quero dizer que os homens não têm sensibilidade ou visão para aplicar a técnica, pois se isto fosse verdade eu não seria consultor de Feng Shui, nem escreveria colunas sobre o assunto. Os homens são dotados das mesmas condições e qualidades, mas as mulheres têm uma vantagem: estão sempre na nossa frente.

Meu trabalho como consultor não teria os mesmos resultados se eu não contasse com a participação e as ideias das mulheres. Quando digo para uma cliente que é importante dar vida à uma casa, imediatamente ela sai para comprar flores e plantas naturais. Quando recomendo mais cor num ambiente, ela vai a uma casa de tintas, escolhe outra cor e manda pintar a casa. Ou então, compra quadros e tecidos para deixar os ambientes mais alegres e descontraídos.

Se você chegar numa loja ou escritório e encontrar uma fonte d'água na entrada, para atrair prosperidade, pode apostar que foi uma mulher e mãe que a colocou. Ainda bem que existe a energia das mulheres e mães para transformar o mundo!

Desejo um feliz 'Dia das Mães' a todas!

Ficou com dúvida ou pergunta? Quer saber mais sobre o trabalho de Franco Guizzetti? Orientação Pessoal, Tarot, Feng Shui, Hipnoterapia e Coaching Holístico? Valores dos Atendimentos? Entrar em contato pelo e-mail franco.guizzetti@terra.com.br.  Siga nas redes sociais ou visite o canal no Youtube.

Franco Guizzetti Franco Guizzetti
Publicidade
Publicidade