0

Uma mensagem vinda do lado de lá da travessia

25 out 2019
09h00
  • separator
  • 0
  • comentários

Mensagem espiritual é das coisas mais delicadas, uma espécie de “cereja do bolo” das experiências do campo do esotérico. Em geral quando um espírito se aproxima da minha mesa de trabalho, é porque deseja compartilhar uma mensagem com a pessoa que está me consultando, e obteve ordem para fazê-lo. Minha vidência, então, procura captar o recado, que eu tento transmitir da maneira mais fiel possível para o consulente. 

Uma mensagem vinda do lado de lá da travessia
Uma mensagem vinda do lado de lá da travessia
Foto: iStock

Algumas vezes o visitante vem porque deseja acertar questões pendentes. Outras vezes, o desejo é buscar tranquilizar, agradecer pelo carinho com que foi tratado nos instantes (às vezes meses, anos!) finais. Alguns se apresentam tranquilos, para uma palavra de despedida. Outros, tristes, inconformados com sua condição. Há ainda (bem mais delicado), os revoltados, cobrando algo do passado.

De qualquer forma, essas visitas são sempre repletas de emoção. Uma delas, que aconteceu há pouco tempo, motivou reflexões que quero dividir com meus leitores.

Nem bem a cliente chegou, eu senti a grande tristeza ligada a uma perda. Sua mãe tinha partido há poucos meses e a angústia de não saber como ele estava enchia seu coração de dor.  

Descrevi longamente a figura e a forma de ser daquela mãe. Na sequência, tive a felicidade de captar a mensagem que ela queria compartilhar, e que surgiu nas seguintes palavras: 

“A vida”, indicou com sabedoria, “é preparação para uma grande viagem. Temos, ao longo da existência terrena, oportunidade para criar as condições de merecimento que permitirão avançar em paz na nossa jornada final”. 

“Nossas escolhas e comportamentos ao longo da vida vão determinar nossos méritos. Eles, por sua vez, abrem melhores ou piores formas de desdobramento do nosso destino”. 

“Nessa longa travessia que todos temos à frente, uns irão a pé, porque não conseguiram condução mais rápida ou confortável; outros irão de bicicleta; outros, de carro”. Finalizando seu contato, a mãe da minha cliente relatou, com uma pontinha de humor, que viajou num trem, muito romântico e confortável.

Ficamos, ambas, embebidas e atônitas com as lindas palavras. A força e beleza da mensagem chamou a atenção para a importância de cuidar, com responsabilidade e amor, das coisas terrenas, garantindo assim um bom adiantamento espiritual que será valioso quando chegarmos à plataforma de embarque para a nossa viagem final.

Quer saber mais sobre o trabalho de Marina Gold ou entrar em contato com ela, clique aqui .

Veja também:

 

 

Fonte: Marina Gold
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade