PUBLICIDADE

Conheça os benefícios da Erva-de-São-João

11 jun 2022 13h21
ver comentários
Publicidade
Além de ter vários benefícios medicinais, a Erva de São-João é fácil de ser cultivada
Além de ter vários benefícios medicinais, a Erva de São-João é fácil de ser cultivada
Foto: Shutterstock / João Bidu

A Erva-de-São-João é uma planta com poderosos efeitos medicinais. Fácil de ser cultivada, ela pode ser consumida como chá e também é encontrada em alguns medicamentos. A erva pode auxiliar na qualidade do sono, na cicatrização da pele e é diurética. Vem conhecer cada detalhe sobre a Erva-de-São-João!

O que é, afinal?

A Hypericum perforatum pertence à família Hypericaceae e é mais conhecida como Erva-de-São-João. Ela ganhou esse nome por suas flores amarelas e brilhantes, que florescem na época da festa de São João, em 24 de Junho. Ela é uma planta medicinal que possui propriedades antibacterianas, antifúngicas e antioxidantes. 

Medicina alternativa 

A Erva-de-São-João é bastante utilizada na medicina alternativa para  alguns tratamentos de ansiedade, por conter substâncias que atuam no sistema nervoso central. Contudo, ela também pode ser utilizada em casos de queimaduras leves e hematomas, realizando uma compressa úmida com a planta no local prejudicado. Porém, é sempre bom lembrar para procurar ajuda médica em qualquer situação.

Chás equilibrantes

Para fazer o chá basta colocar 1 colher de chá da erva seca em 250ml de água fervente e deixar repousar entre 5 a 10 minutos. Depois, basta coar, deixar amornar e beber 2 a 3 vezes ao dia, depois das refeições. O preparo também pode ser utilizado para criar uma compressa úmida que irá ajudar em caso de dores musculares. 

Como cultivar a Erva-de-São-João

A Erva-de-são-joão é uma planta simples de ser cultivada. O ideal é mantê-la em sacadas ou quintais, pois a planta necessita de ampla exposição solar. Por esse motivo, é importante regá-la com frequência. Para o cuidado com a planta é recomendado que uma poda seja realizada logo antes do inverno, para que na próxima estação a Erva-de-São-João possa brotar. Também é recomendado o uso de fertilizantes minerais próximos à primavera, para que a erva tenha uma floração mais robusta.

João Bidu
Publicidade
Publicidade