1 evento ao vivo

Feng shui do amor: o que não fazer em uma relação

Para atrair e viver um amor sadio e sério, você precisa se amar primeiro

23 jul 2018
09h00
  • separator
  • 1
  • comentários

Atendo muitas pessoas para melhorar sua casa e empresa pelo feng shui e saber sobre o futuro pelo tarot há mais de 20 anos. 

Feng shui do amor
Feng shui do amor
Foto: diephosi / iStock

Nos últimos anos, comecei a trabalhar também com terapia holística, aliando hipnose e coaching holístico para mudar a cabeça das pessoas, principalmente sobre as mudanças de padrão negativo, que tanto atrapalham a vida das pessoas.

E muitas pessoas buscam minha terapia para trabalhar o padrão negativo do amor. Eu chamo de coaching amoroso, na qual falo para as pessoas como é bom ter um amor, um parceiro e ter o coração feliz.

Em sessões de terapia de amor, vou passando mensagens para que a pessoa pense mais positivamente sobre amar e ser amada, a importância de ter uma autoestima positiva para que assim ela se coloque em uma posição em que poderá encontrar seu parceiro ou parceira amorosa.

As mensagens e sugestões que publico falam para valorizar-se como pessoa para aí sim encontrar um namoro, esposa ou parceiro amoroso sério e que lhe faça bem. 

Também publico nas redes sociais, artigos e visões, estas mensagens e textos de outros profissionais que mostram os erros que as pessoas cometem na hora de procurar um amor ou quando começam a relação.

Erros como:
-  Anular-se totalmente por causa de um amor
- Não ter opinião própria ou vontade própria só para agradar um parceiro
- Não fazer o que gosta, como ir a um cinema, porque ele não quer ir
- Deixar de ter vida social ou não sair com seus amigos por causa do namoro
- Ser uma namorada grudenta ou carente
- Só fazer o que ele gosta ou quer
- Deixar de usar as roupas que gosta só para agradá-lo ou por que ele não gosta do seu estilo
- Cobrar dele mais atenção o tempo todo
- Ser ciumenta 24 horas. Ligar a toda hora
- Mudar seu jeito de ser ou querer que ele mude seu jeito de ser

A lista de erros vai longe e há piores. Mas todos são para matar a relação. Não importa quais forem os erros. Para mim o pior de todos é se anular e deixar de ser você para tentar agradar seu parceiro.

Você encontra um amor e, para deixá-lo feliz, você deixa de se amar. Mata seu amor próprio. Mata sua autoestima. Acaba com sua felicidade.
Cuidado! Amar vai significar algumas mudanças na vida dos parceiros. Mas não significa que só um vai mudar por causa dos outros. Amar alguém não significa matar sua essência.

Em geral, as pessoas que me procuram pessoas carregam dentro do seu coração muitos bloqueios e têm uma autoestima baixa, causadas por relações amorosas antigas nas quais o parceiro sufocou a parceira ou ela foi colocada em segundo plano na relação.

Anular-se por causa de amor é a maior burrice que alguém pode cometer. O segredo da felicidade pessoal e amorosa é ser você sempre. Amar-se muito e respeitar-se. Numa relação afetiva séria, os parceiros irão ceder em alguns aspectos, modo de viver e até de relacionar-se com a vida. Mas nunca só um dos parceiros irá ceder. Aí não é relação sadia. É relação doentia.   Quer viver uma relação sadia e madura?
Ame-se e respeite-se primeiro. 
Pense nisto e seja feliz.

Ficou com dúvida? Quer saber mais sobre o trabalho de Franco Guizzetti? Orientação Pessoal, tarot, feng shui, hipnoterapia e coaching holístico? Para os valores dos trabalhos, entrar em contato através do e-mail franco.guizzetti@terra.com.br. Siga-o nas redes sociais

Franco Guizzetti Franco Guizzetti
  • separator
  • 1
  • comentários
publicidade