0

Salve Jorge Jesus! Salve Jorge Sampaoli! e Salve São Jorge!

Foi uma rodada dos Jorges, com vitórias de Flamengo, Santos e Corinthians, os três primeiros colocados do Brasileirão

2 set 2019
14h25
  • separator
  • 0
  • comentários

Salve Jorge! Salve o Brasileirão! Com Jorge Jesus, o Flamengo multiplicou o número de gols, já tem 38, o melhor disparado do torneio. Pobre Palmeiras, goleado por 3 a 0 pelo time do bom e ofensivo técnico português. A liderança garantida porque tem um saldo de gols maior do que o Santos, de Jorge Sampaoli, outro Jorge que gosta do futebol bem jogado, mas que no sábado contra a Chapecoense tratou de garantir o 1 a 0 para acabar com a sequência de três jogos sem vitória.

Foto: Gilvan de Souza/Agência O Dia / Estadão

Só que o argentino tem crédito e também merece uma salva de palmas por colocar um time muito menos estelar na briga pelo título. Salve Sampaoli, um técnico que chegou antes do Jorge português e fez o torcedor brasileiro matar a saudade do tempo que em que o nosso futebol encantava e era sinônimo de arte.

Foto: Dinho Zanotto/Myphoto Press / Estadão

E Salve São Jorge, o padroeiro corintiano, que em outra ação milagrosa fez o Corinthians vencer por 1 a 0 o Atlético Mineiro. O goleiro Cleiton, do Galo, deu um presentão pelos 109 anos do Timão, ao mandar a bola no pé de Mateus Vital, que deixou Gustagol na cara do gol para colocar o Timão em terceiro lugar. O artilheiro do início do ano que não balançava a rede desde maio chorou, desabafou, se redimiu e presenteou a Fiel.

Foto: Beto Miller/AM Press & Images / Estadão

Na rodada dos Jorges, o Flamengo ficou mais perto do título do primeiro turno, o Peixe mostrou que está vivo e o Corinthians aparece ali como terceira ou quarta força, dependendo do jogo atrasado do Palmeiras. Com Carille querendo comer pelas beiradas, apostando no pragmatismo, na defesa contra os melhores ataques do Brasileirão e com a benção de São Jorge.

Paradinha Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade