Já pensou em fazer um cruzeiro em Cuba? Veja roteiros

Ilha no Mar do Caribe é boa opção para meses de abril e maio, quando os preços estão mais baixos

1 mar 2016
08h00
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Até então pouco explorada pelas grandes companhias de cruzeiros, Cuba começa a entrar na rota de viagens marítimas internacionais. No ano passado, a italiana MSC Cruzeiros e a norte-americana Carnival Cruise Lines anunciaram seus planos de operar na região, e a maior ilha do Caribe passou a atrair cada vez mais turistas.

A alta temporada, que começou no fim do ano passado, deve ir até março. Abril e maio são os meses mais baratos, com exceção da semana da Páscoa, e viajar nesse período pode ser uma boa opção para quem não está afim de gastar tanto. Para quem gosta de história e belas paisagens, Cuba se encaixa muito bem: dá para se encantar com a arquitetura e aproveitar praias paradisíacas como Varadero e Cayo Largo.

Andar pelas ruas da capital Havana parece uma volta ao passado
Andar pelas ruas da capital Havana parece uma volta ao passado
Foto: merc67/Shutterstock

Além disso, a cidade de Gibara, a 800 quilômetros da capital Havana, recebe em abril o 12º Festival del Cine Pobre, evento fundado em 2003 pelo diretor cubano Humberto Solas. O festival é voltado para filmes de baixo-orçamento, dentro de um gênero que acabou sendo denominado “Cine Pobre”. Sem critérios de estilo definidos, o gênero reúne diretores, produtores e roteiristas com poucos recursos para realizarem os filmes. Boa dica para quem, além de viajar, gosta de cinema.

Veja mais um pouco sobre os roteiros em Cuba:

Noites em Havana
A oferta de navios no país ainda é pequena se comparada às demais ilhas do Caribe, como Barbados, por exemplo. Apesar disso, já existe a possibilidade de viajar em um cruzeiro partindo de Cuba, em Havana. A bordo do navio Opera, da armadora MSC Cruzeiros, os passageiros têm duas opções de roteiros. O primeiro inclui duas pernoites na capital cubana, e leva os cruzeiristas para as praias da Isla de Roatan, em Honduras, passando por Belize City, e escalas em Costa Maya, no México, e na Ilha da Juventude, também em Cuba. 

A segunda opção de roteiro também começa em Havana, onde o transatlântico permanece atracado por duas noites para que os turistas possam explorar as atrações da cidade. Após iniciar a navegação, a primeira parada é em Montego Bay, na Jamaica, seguida de Georgetown, nas Ilhas Cayman, e Cozumel, no México. Ainda há vagas disponíveis no Opera para saídas no final de fevereiro e em março. Os valores são, em média, a partir de R$ 1.462,11, não incluídas as taxas.

Viagem de impacto
Já a Carnival Cruise Lines trouxe uma proposta um pouco diferente para os cruzeiros que vão navegar na região. Por meio da empresa Fathom (uma das 10 operadas pela Carnival Corp.), a companhia oferece um roteiro para quem quer viajar e fazer trabalhos de impacto social ao mesmo tempo. Vem daí o nome “impact travel” (viagem de impacto, em livre tradução), em referência aos projetos realizados pelos passageiros ao longo do cruzeiro, a maior parte deles com foco no desenvolvimento social.

O roteiro parte de Miami, nos Estados Unidos, e viaja até Cuba. A viagem dura sete noites, e a ideia é que os passageiros participem de um programa de intercâmbio cultural, de troca de experiências com o povo cubano. A viagem é feita a bordo do Adonia, navio com capacidade para 704 passageiros. Preços a partir de US$ 1.800 (R$ 7.200).

Roteiro inglês
A companhia britânica Thomson Cruises também começou no fim do ano passado sua temporada de roteiros incluindo a ilha. Batizados de Cuban Fusion, os seis cruzeiros a bordo do navio Thomson Dream partem de Montego Bay, na Jamaica, fazem escala em Havana com pernoite, e seguem para Playa del Carmen, no México, e Georgetown, nas Ilhas Cayman. Ainda há vagas em dois cruzeiros com saídas em março, nos dias 1º ou 29. O roteiro dura sete noites. Preços a partir de 1.399 pounds por pessoa, R$ 8.000, sem taxas incluídas.

Das antigas
Antes da ilha de Cuba começar a atrair olhares de gigantes do turismo, uma das poucas companhias que oferecia cruzeiros na região era a Cuba Cruise. A empresa oferece viagens de uma semana a bordo do Celestial Crystal, com preços a partir de US$ 1.417 na baixa temporada, (R$ 5.600). A ideia é navegar e fazer excursões pela região, com uma única parada fora de Cuba: em Montego Bay, na Jamaica. A última saída neste ano é em abril, no dia 1º.

Veja 50 cruzeiros temáticos e saiba qual é o ideal para você Veja 50 cruzeiros temáticos e saiba qual é o ideal para você

Veja também:

Tender recheado de Natal
Fonte: Canarinho Press
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade