PUBLICIDADE
Logo do

Cruzeiros › Destinos

Escala em cidade canadense faz mergulho na cultura britânica

Victoria é um dos destaques das rotas de cruzeiros pela costa do Pacífico

15 set 2015 13h00
ver comentários
Publicidade

Banhada pelo oceano Pacífico, a cidade de Victoria, no Canadá, não esconde suas raízes inglesas. Capital da província da Colúmbia Britânica, ela está na rota dos cruzeiros e recebe os turistas com charme europeu notado em seus edifícios históricos, castelos imponentes, natureza marcante e hospitalidade.

A ilha mescla sua herança britânica com modernidade. Na cidade são encontrados, muitos restaurantes, bares e casas de chá, tradição importada por seus colonizadores. Entre as atrações turísticas chamam atenção os grandes prédios antigos e seus muitos jardins, que são internacionalmente aclamados como alguns dos mais belos do mundo, além de parques como o Thunderbird, que preserva totens de povos antigos canadenses.

Você não pode perder

Prédio do Parlamento – De frente para o porto de Victoria fica o belo prédio do Parlamento da Colúmbia Britânica, um edifício imponente em arquitetura neobarroca. Construído no final do século XIX, ele conta com bela decoração, esculturas e pode ser visitado em passeios durante o ano todo.

Fairmont Empress Hotel – Outra construção histórica da cidade é o hotel Fairmont Empress, inaugurado em 1908. Também de frente para o porto, tem arquitetura eduardiana e estilo château. Em sua fachada chamam atenção as plantas que crescem na parte externa das paredes.

Jardins – Victoria é conhecida como a cidade dos jardins, portanto não dá para visitá-la sem conhecer alguns deles. São diversos espalhados e a jardinagem é hobby de muitos moradores. Entre os mais conhecidos e imperdíveis estão Butchart Gardens, com mais de 700 espécies de plantas e vegetais e o Butterfly Gardens, que têm esse nome devido à grande quantidade de borboletas.

Castelo Craigdarroch – Castelo histórico de Victoria, foi construído em 1890 pelo barão do carvão Robert Dunsmuir e é um belo exemplo da arquitetura victoriana. Entre seus destaques estão os vitrais, os trabalhos em madeira e antiguidades, além da torre que oferece uma das melhores vistas da cidade.

Monte de Douglas – Para quem gosta de natureza e tem espírito aventureiro, o Monte de Douglas é o passeio ideal. Com cerca de 260 metros de altura, a colina foi lar dos habitantes pré-colonização da região.

Observação de baleias – Victoria é cercada por água e há uma grande movimentação da vida marinha ao redor da cidade. Entre os animais mais interessantes para observar estão as baleias orca, muito comuns de aparecerem na região, mas também é possível dar de cara com jubartes, cinzentas e minke.

Hotel Fairmont é um belo exemplo de arquitetura eduardiana em Victoria
Hotel Fairmont é um belo exemplo de arquitetura eduardiana em Victoria
Foto: canadastock/Shutterstock

O que comer?
Conhecida por seus frutos do mar frescos, estão restaurantes que servem peixes, camarões, ostras, entre outros. Além disso, o local se orgulha de sua produção local de bebidas. Os vinhos são uma atração, mas como Victoria se autointitula a Capital das Cervejas Artesanais, vale a pena conhecer alguns dos seus diversos bares.

Melhor suvenir
Com recheio de cremes e cobertura de chocolate, os doces Victoria Creams são ótimos presentes. Cafés e chás locais também são boas pedidas. Os mercados de artigos feitos à mão também podem ser um bom lugar para comprar lembranças como peças feitas em madeira, vidro e roupas.

Veja 50 cruzeiros temáticos e saiba qual é o ideal para você Veja 50 cruzeiros temáticos e saiba qual é o ideal para você

Fonte: Canarinho Press
Publicidade
Publicidade