O que é a odontologia do sono? Especialista responde

Cansado de acabar com o sono da sua parceira? Indicamos o caminho

31 jul 2019
10h00
atualizado em 1/8/2019 às 22h04

Nesta semana nossa entrevista é com o Dr. Igor Flechtman. Nas perguntas abaixo abordamos temas diversos e que fazem parte da rotina dos brasileiros. Venha explorar essa conversa que mostra como a odontologia tem muito mais assunto para abordar do que somente cáries e problemas comuns.

1) O que é a odontologia do sono? E qual sua importância?

A Odontologia do sono é a área da odontologia que permite ao dentista atuar no tratamento dos distúrbios  relacionados a problemas respiratórios durante o sono: ronco, apneia obstrutiva do sono (SAOS) , a síndrome da resistência das vias aéreas superiores (SRVAS) e os distúrbios do sono relacionados ao sistema mastigatório que ocorrem durante o sono ou durante a dia mas que tem origem durante o sono. Falta de concentração, sono durante o dia, sensação de cansaço...

Quando a pessoa ronca demais, pode existir uma pequena pausa, interrupção da respiração. Essa interrupção pode durar até 10 segundos, caracterizando uma apneia.

É muito importante pois estamos diagnosticando e tratando problemas diretamente ligados a RESPIRAR! Podemos parar de realizar diversas funções, respirar não! Normalmente o paciente chega ao consultório com a queixa (na maior parte quem chega com as queixas são os cônjuges!) de ronco exagerado.


2) Especificamente sobre ronco e apneia, como a odontologia do sono pode ajudar?

A partir de exames radiográficos para atestar o tamanho da passagem de ar (tamanho de Amígdalas, adenoides), exames funcionais como a polissonografia (aonde o paciente dorme ligado a uma serie de conectores), exames clínicos (avaliação de obesidade

por exemplo) e um questionário específico, fechamos o diagnóstico, sempre entrando em contato e pedindo uma avaliação ao médico otorrinolaringologista do paciente. Com o diagnóstico de uma apneia Obstrutiva, dependendo do grau desta, tratamentos são recomendados, um deles, uma placa dupla superconfortável usada para dormir, confeccionada pelo dentista e protéticos especializados em odontologia do sono.

Geralmente após pouco tempo de uso, o cônjuge volta com o paciente a consulta de retorno dizendo que estão dormindo juntos de novo após décadas! E o paciente volta outro, muito mais disposto, atento e sem sonolência! Descrevi alguns sinais e sintomas sociais e de relacionamento, imaginem então os níveis de oxigenação cerebral como melhoraram? Muito!

Foto: Livre

3) Atualmente muitas pessoas sofrem com DTM. Existe cura? Quais são os tratamentos ou controles desse mal?

As DTMS, são desordens da articulação têmporo-mandibular, articulação dupla, bilateral e única em nosso organismo. Quando existe a ausência de um dente, por exemplo, todo o sistema se adapta para suprir essa falta. O dente oposto migra em direção ao espaço, os vizinhos inclinam para tentar fechar o espaço; essa adaptação muda o jeito de encaixar dos dentes, mudando a relação das cabeças da mandíbula à sua base, levando a esforços maiores e diferentes da articulação. Podem surgir barulhos como estalos, dor e dificuldade/limitação de morder.

O tratamento para essa disfunção normalmente começa com uma placa miorrelaxante. Esta é confeccionada de maneira a levar a mandíbula para a posição natural em relação ao crânio e promover um relaxamento muscular. Após algum tempo, que varia muito entre os pacientes, é reavaliada a mordida e são tomadas as decisões de tratamento, como no exemplo citado da ausência de um dente: espaço para o dente é aberto e sua implantação é realizada.

Existem mais tratamentos como fisioterapia, toxina botulínica e relaxamento muscular, mas como citado, a função correta da mastigação (e todas funções interligadas) é uma regra, todos outros tratamentos serão auxiliares, não definitivos.

4) O Brasil é um dos países em que mais se investe na estética. Quais são os benefícios da odontologia estética dentária e facial?

Hoje possuímos acesso a tratamentos que antigamente seriam ou muito caros ou muito invasivos. Ouvimos cada vez mais os pacientes pediram "lentes de contato", que são as facetas de porcelana que recobrem o dente. Existem vários procedimentos que podem ser realizados antes de se realizar o desgaste necessários à estas, como o clareamento de consultório por exemplo. Existem as indicações aonde iremos direto as facetas, mas não em dentes sadios que podem receber tratamentos conservadores. Acredito que a vontade do paciente mais um certo oportunismo de alguns colegas privilegie a estética antes da função. Seria a mesma coisa que trocar um pneu antes de alinhar e balancear as rodas... A estética está superacessível, mas vejo um perigo em tratamentos que não valorizem a função em primeiro lugar. Faço muitos tratamentos estéticos, mas diagnóstico e plano de tratamento funcional antes!

5) Muitos procedimentos, como harmonização facial, estão na moda. Como decidir se o procedimento é válido ou causado apenas pela vaidade?

Acredito que o procedimento é válido quando causa algum problema social ou de baixa autoestima na pessoa. Dentro dos tópicos mencionados como as funções básicas corretas, podemos criar planos de tratamento estéticos como a harmonização sem problemas. Mais uma vez insisto: não se deve colocar estética à frente de função. Não é ético, não dura e faz mal!

6) Dentro da Ortopedia Funcional dos Maxilares, existe uma idade ideal para diagnosticar os sintomas e tratar?

Ótima pergunta! Não. Mas quanto mais cedo a/o paciente puder ir com a mamãe no dentista melhor. Cada criança segue um padrão diferente, não estamos em uma população isolada seguindo sempre os mesmos passos. Fatores como hereditariedade e alimentação, por exemplo, podem ser diferentes até entre irmãos. Uma ótima avaliação da criança se faz necessário desde bebê para o correto aconselhamento e prevenção ortopédica se necessário. Uma criança pode precisar do tratamento precocemente, outra pode precisar só na fase de crescimento puberal. O diagnóstico diferencial e funcional será de extrema importância para evitar problemas de desenvolvimento geral como uma apneia na infância, aonde a criança não terá a oxigenação necessária para se desenvolver e ter qualidade de vida, dentre outros problemas. Vale aquela regra antiga: prevenir é melhor do que remediar!

______________________________________________________________________________________________________________________

 

 

Dr. Igor Flechtman

e-mail: flechtman@gmail.com

WhatsApp: 11 082919047

Ortodontia preventiva e corretiva

Ortopedia Funcional dos Maxilares

Odontologia Estética Dentária e Facial (Toxina Botulínica, Preenchimento)

Odontologia do Sono (Ronco, Apneia, Bruxismo, Dtm's)

 Damon System Certifeid Doctor

 Invisalign System Certifeid Doctor

 

 


 

 

Fonte: FF Este conteúdo é de propriedade intelectual do Terra e fica proibido o uso sem prévia autorização. Todos os direitos reservados.
publicidade