PUBLICIDADE

Chá para combater dor de estômago: nutricionista revela os melhores

Chás, alimentos saudáveis e bons hábitos alimentares colaboraram nessa meta

23 mai 2024 - 15h06
(atualizado em 22/6/2024 às 21h47)
Compartilhar
Exibir comentários
Chá para combater dor de estômago
Chá para combater dor de estômago
Foto: Shutterstock / Sport Life

Já ouviu falar em chá para combater dor de estômago? Muitas pessoas costumam se queixar de dores repentinas na região. Aí surgem os chás salvadores. Mas, em meio a isso, é preciso ter cuidados, afinal, a ingestão depende do organismo de cada pessoa.

Chá para combater dor de estômago

"Existem vários chás que podem ajudar a aliviar a dor de estômago devido às suas propriedades calmantes e anti-inflamatórias. No entanto, é importante ressaltar que cada pessoa pode reagir de maneira diferente aos remédios naturais. E se a dor persistir ou piorar, é aconselhável procurar orientação médica", explicou a nutricionista do Hospital Edmundo Vasconcelos Ariane Braz.

Entre os chás indicados para as dores de estômago está o chá de hortelã. Para aliviar espasmos musculares no trato gastrointestinal e a promover a digestão. O chá de camomila, com propriedades anti-inflamatórias e relaxantes musculares. De gengibre, com intuito de aliviar náuseas e reduzir a inflamação no estômago. Chá de erva-doce para relaxar os músculos do trato digestivo. Chá de boldo, voltado para alívio de desconfortos estomacais. E de alcaçuz, que pode acalmar o revestimento do estômago.

A especialista detalhou na sequência que o consumo diário dos chás pode ser seguro para muitas pessoas, e, especialmente, quando usados como parte de uma dieta equilibrada.

"É importante ter em mente que cada pessoa é única e que as reações individuais podem variar. O recomendado é o consumo moderado para a maioria das ervas. É preciso não exagerar na quantidade, pois algumas substâncias presentes nas plantas podem ter efeitos colaterais em grandes quantidades", declarou.

7 benefícios dos chás para a saúde 7 benefícios dos chás para a saúde

Como são esses efeitos?

Esses efeitos podem se dar em relação a algumas condições de saúde específicas, exemplos: alergia a uma planta específica, condições gastrointestinais, refluxo ácido ou síndrome do intestino irritável, já que algumas plantas podem agravar essas condições, problemas hepáticos; ervas que podem interagir com medicamentos, que reduzem ou aumentam os efeitos; e problemas renais em caso de chás com substâncias que impactam os rins.

As grávidas e lactantes lidam com cuidados especiais. "Elas devem ter precauções especiais ao considerar o consumo de chás de ervas, incluindo aqueles para dores na barriga. Algumas ervas podem ter efeitos que afetam a gravidez, a amamentação ou o desenvolvimento do feto então é preciso ter moderação. Esses são os casos dos chás de camomila, hortelã-pimenta e gengibre, por exemplo", ressaltou a nutricionista.

Quais são as outras opções para combater dor no estômago?

Além dos chás, outros alimentos aliviam os sintomas das dores de estômago, como a banana, arroz branco, biscoitos água e sal, torradas, maçã, sopa de legumes, frango cozido ou grelhado e iogurte natural. É bom evitar frituras e alimentos gordurosos, pimenta, bebidas e alimentos com cafeína e álcool.

"Lembre-se de que essas estratégias podem ser úteis para desconfortos leves e temporários, mas se a dor persistir ou for grave, é importante procurar orientação médica, especialmente se os sintomas forem acompanhados por outros sinais", finalizou Ariane Braz.

Sport Life
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade