1 evento ao vivo

Britânica é presa após deixar cães famintos à beira da morte

Dois cachorros da raça bull terrier ficaram presos nas gaiolas sujas de urina e fezes por mais de cinco meses

27 jan 2015
12h17
atualizado às 12h23
  • separator
  • 0
  • comentários

Apesar da comida farta em casa – especialmente aquelas mais industrializadas -, a britânica Jodi Russell, de 28 anos, deixou que seus dois cachorros ficassem desnutridos e à beira da morte, presos em gaiolas na sala de estar da família. Depois de ser julgada por maus tratos, ela foi finalmente presa no mês passado. As informações são do The Mirror.

Cães estavam em péssimas condições e um deles morreu logo depois do resgate
Cães estavam em péssimas condições e um deles morreu logo depois do resgate
Foto: The Mirror / Reprodução

Segundo a publicação, a mulher deixou os dois cachorros da raça bull terrier presos nas gaiolas sujas de urina e fezes por mais de cinco meses. Sem alimentá-los corretamente, acabou causando a morte de Storm, um macho preto; e quase matou o outro cão, que está em condições péssimas de saúde, segundo o veterinário responsável.

Os vizinhos de Russell disseram que ela deveria “ser presa por mais de 20 anos”, pela sua crueldade com os animais. “Havia sempre comida, sanduíches e embalagens de fast food no seu lixo, quintal. É irônico que uma pessoa tão grande deixe seus animais passarem fome... Só o fato de prendê-los sem comida é horrível”, disse um deles.

A britânica foi chamada para responder pelo crime de maus tratos em Agosto de 2013, mas não compareceu, fugindo da Justiça. Mas, no último mês, foi encontrada e presa. 

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade