PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Polícia

Médico é encontrado morto em casa na Grande São Paulo; dois suspeitos já foram presos

A vítima foi identificada como Aurélio Tadeu de Abreu, de 48 anos; o crime ocorreu na quinta-feira, 18, em São Bernardo do Campo (SP)

22 abr 2024 - 22h29
(atualizado às 23h54)
Compartilhar
Exibir comentários
O médico Aurélio Tadeu de Abreu, de 48 anos, foi vítima de um latrocínio na quinta-feira, 18
O médico Aurélio Tadeu de Abreu, de 48 anos, foi vítima de um latrocínio na quinta-feira, 18
Foto: Reprodução/TV Globo

Um médico de 48 anos foi agredido e morto após reagir a um assalto na quinta-feira, 18. A vítima foi identificada como Aurélio Tadeu de Abreu. O crime ocorreu dentro da casa do profissional, em São Bernardo do Campo, na região metropolitana de São Paulo. A polícia prendeu dois suspeitos. As informações são da TV Globo.   

Um dos suspeitos confessou o crime. Uma terceira pessoa, um homem de 34 anos, que já teria sido identificado pela polícia, está foragido. Os suspeitos foram identificados com ajuda das imagens das câmeras de segurança no local. 

A vítima foi encontrada com uma corda no pescoço e com as mãos amarradas no interior da casa em que vivia e onde também tinha uma clínica de estética. 

A polícia investiga se o crime foi premeditado. O caso foi registrado no 2º Distrito Policial de São Bernardo do Campo com latrocínio, roubo seguido de morte.

Aurélio Tadeu de Abreu foi candidato a vereador da cidade de São Bernardo do Campo, em 2020, pelo Partido Verde, mas não se elegeu.  

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade