PUBLICIDADE

Escova de dente: cobrir com tampa ou usar capinha é certo ou errado?

Saiba como manter sua escova de dente de uso diário sempre limpinha

10 jun 2024 - 05h00
Compartilhar
Exibir comentários

Não basta só lavar a escova após higienizar os dentes, para garantir que o equipamento ficará limpo. Afinal de contas, mesmo após a limpeza, a escova segue ali, exposta a tudo que passa pelo potinho sobre a pia do banheiro. Cobrir a escova com uma capinha é ideal. Mas não basta só fecha-la dentro da tampa. 

Escova de dente: cobrir com tampa ou usar capinha é certo ou errado?
Escova de dente: cobrir com tampa ou usar capinha é certo ou errado?
Foto: Reprodução / Unsplash / Alex Padurariu

O cirurgião dentista Adriano Rafael, explica que cobrir com tampa ou usar capinha na escova de dente é uma prática que pode ser tanto benéfica quanto prejudicial, dependendo de como é feita.

“A tampa ou capinha pode proteger a escova de contaminações externas, mas também pode criar um ambiente úmido que favorece a proliferação de bactérias. Portanto, é importante garantir que a escova esteja bem seca antes de cobri-la”. 

Como manter a escova higienizada

Além de seca, a escova deve estar bem higienizada. “O ideal é enxaguá-la bem após o uso para remover resíduos de pasta e alimentos”, diz o especialista. 

“Pode-se ocasionalmente desinfetar a escova mergulhando-a em enxaguante bucal antibacteriano por alguns minutos. Outra prática é evitar o uso de tampas ou capinhas que não permitam a ventilação adequada”, alerta. 

Com a escova higienizada, o dentista reforça a importância de secar a escova antes de armazená-la, sempre na posição vertical. “Evite o contato com outras escovas para prevenir contaminação cruzada”, afirma o Dr. Adriano Rafael.

De quanto em quanto tempo precisamos trocar de escova?

Mesmo cuidando bem da escova, é aconselhável trocar o equipamento a cada três meses ou antes, caso as cerdas estejam desgastadas. A troca da escova também deve acontecer em casos de gripe, resfriado ou infecção bucal para evitar a reinfecção.

Riscos de não ter uma escova limpa

A boca é uma porta de entrada para o organismo. E não manter a escova dental limpa pode contribuir com a proliferação de bactérias e fungos que podem causar infecções bucais, gengivite e problemas sistêmicos. “Mantê-la limpa e seca após o uso é essencial para a saúde bucal e geral”, conclui o dentista.

Fonte: Redação Terra Você
Compartilhar
Publicidade
Publicidade