PUBLICIDADE
AO VIVO
Terraiá ao vivo: assista ao show do Forró da Gota direto de Salvador

Estudo diz que 80% da Lagoa de Veneza pode desaparecer até 2050

Aumento do nível do mar ameaça a região italiana

23 mai 2024 - 13h42
(atualizado às 14h06)
Compartilhar
Exibir comentários

Um estudo realizado na Itália apontou que o aumento progressivo do nível do mar está ameaçando a Lagoa de Veneza, pois 80% das suas costas correm o risco de desaparecer até 2050.

    Ainda de acordo com o levantamento do Instituto de Geociências e Georrecursos do Conselho Nacional de Pesquisa de Padova, publicado na revista Science of the Total Environment, a diminuição simultânea do nível da terra também é um fator que poderá influenciar a inundação da área.

    "Prevemos que, até 2050, as morfologias lagunares atualmente localizadas entre 25 e 50 centímetros acima do nível do mar irão reduzir em 16 km², enquanto aquelas que estão atualmente entre 0 e 25 centímetros vão reduzir em 18 km². Esta perda de heterogeneidade morfológica terá um impacto negativo nos valiosos benefícios ecológicos que o ambiente proporciona", explicou Luigi Tosi, um dos líderes da pesquisa.

    Os dados recolhidos pelos especialistas possibilitaram que eles pudessem desenvolver um mapa para mostrar as áreas mais vulneráveis, proporcionando um importante auxílio no planejamento de ações de proteção da região.

    Para enfrentar o aumento do nível do mar, é fundamental que as áreas próximas da lagoa cresçam em altura, processo que só poderá ocorrer com a acumulação de sedimentos transportados pelas marés.

    Tosi afirmou que o Mose, sistema de barreiras móveis contra inundações, é importante para proteger o centro histórico de inundações, mas reduzem o "fornecimento de sedimentos às áreas emergidas". .

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade