PUBLICIDADE

Mundo

"Talvez não esteja mais viva", diz irmã de brasileira desaparecida em Israel

Bruna Valeanu estava em uma rave, nas proximidades da Faixa de Gaza, quando começou o bombardeio do grupo terrorista Hamas, no último sábado

9 out 2023 - 14h09
(atualizado às 15h26)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Reprodução: Redes Sociais

A família de Bruna Valeanu, que está entre os brasileiros desaparecidos nos conflitos em Israel, continua em busca de informações sobre o paradeiro dela. Bruna estava participando da festa Universo Paralello, nas proximidades da Faixa de Gaza, quando começou o bombardeio do grupo palestino Hamas, no último sábado, 7.

“É muito angustiante. Tem mais de 48 horas que a gente não tem notícias da minha irmã. Eu estou um pouco aflita agora, enfim, a gente vai perdendo um pouco as esperanças”, afirmou Nathalia Valeanu ao RJTV, da TV Globo

"Sendo muito sincera, a minha melhor esperança é que ela tenha sido sequestrada. Porque se não, eu acho que é isso, ela não sobreviveu", declarou.

Nathalia também afirmou que o governo de Israel não está oferecendo suporte nem assistência com relação ao desaparecimento da irmã. 

“O governo de Israel não está dando nenhuma assistência. Eu moro aqui no Brasil, mas a minha mãe e a minha outra irmã estão lá. O governo não está ajudando com nada, com nenhuma informação, com nada”, afirmou. 

Nathalia contou ainda que as informações obtidas pela sua irmã e mãe, que estão atualmente em Israel, se deram por meio de amigos que ajudam nas buscas pela jovem.

“Ela disse que ouvia muitos tiros e tinha muitas pessoas feridas. E ela estava no meio de um mato, mas era um lugar que estava meio cercado”, completou.

De acordo com a imprensa israelense, ao menos 260 corpos foram encontrados no local após o ataque do Hamas.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade