1 evento ao vivo

Alarmado com a violência no Egito, Ban condena uso de força excessiva

Secretário-geral da ONU também pediu a libertação de Mursi e ofereceu ajuda para solucionar a crise

19 ago 2013
14h31
atualizado às 14h37
  • separator
  • 0
  • comentários

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, disse nesta segunda-feira estar "alarmado" pela violência no Egito, condenou o uso excessivo da força por parte das autoridades e pediu a todos os setores "máxima contenção".

"Estou alarmado pela explosão de protestos violentos e o uso excessivo da força e condeno com firmeza os ataques contra as igrejas, hospitais e outros edifícios públicos", disse Ban em entrevista coletiva na sede das Nações Unidas.

Além de pedir a libertação do deposto presidente Mohamed Mursi e a ampliação do espaço político aos Irmandade Muçulmana, Ban ofereceu apoio do chefe de assuntos políticos da ONU, Jeffrey Feltman, para resolver a crise. Feltman inicia uma visita ao Cairo na terça-feira.

EFE   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade