1 evento ao vivo

Gatito volta a treinar com luvas, enquanto Jefferson segue internado

Goleiro paraguaio participou de atividade com as mãos com a presença da imprensa pela primeira vez. Brenner, João Pedro e Marcinho também são destaques desta segunda-feira

23 jul 2018
17h28
atualizado às 18h36
  • separator
  • 0
  • comentários

Depois de um dia de folga após a derrota para o Flamengo por 2 a 0, em jogo válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, os jogadores do Botafogo retornaram às atividades físicas com a comissão técnica no campo anexo do Estádio Nilton Santos, na tarde desta segunda-feira. Os titulares, com a exceção de Jean, fizeram apenas um trabalho regenerativo, pela manhã.

Entre os principais destaques da atividade está o "retorno" de Gatito Fernández aos treinos. Essa foi a primeira vez que o goleiro paraguaio apareceu para a imprensa trabalhando com as mãos, e com desenvoltura, embora já tenha voltado no último sábado, em uma atividade sem os jornalistas.


De acordo com o treinador Marcos Paquetá, o goleiro da seleção paraguaia deve retornar aos jogos "daqui a duas ou três semanas". Gatito teve uma lesão no pulso direito e não participa de nenhuma partida com o clube de General Severiano desde abril.

Os problemas na posição de titular da meta alvinegra continuam. Jefferson, que sofreu um choque na partida contra o Flamengo, teve uma lesão no tórax, um edema no pescoço, quebrou dois dentes e ficará mais um dia internado para a realização de uma nova tomografia. O goleiro está fora das partidas contra a Chapecoense, na próxima quinta-feira, e Internacional, no domingo, de acordo com Anderson Barros, gerente de futebol, personagem da coletiva desta tarde.

- Jefferson está fora de quinta-feira e do jogo de domingo. Lógico que tem de falar isso são os médicos. Ele deve ter de seis a 10 dias de recuperação. Os médicos que devem fazer - contou o dirigente.

- Jefferson teve fratura da cartilagem na tireoide, posso estar errando algum termo técnico. Vai ser submetido hoje a mais uma tomografia. Foi uma situação muito complicada. Nova tomografia para que os médicos tenham uma noção.

- Pode ser que tenha uma alta amanhã (terça-feira), mas vamos precisar de uma nova resposta para saber como procederemos. Parece um pato rouco, mas ele está bem. Todos ficamos ansiosos. Mas os médicos entendem que esse dia a dia na clínica é importante - completou Barros.

Dessa maneira, quem assume a titularidade do gol alvinegro na partida contra a equipe de Santa Catarina é Saulo, criado na base do Botafogo e que atuou contra o Flamengo no último fim de semana.

RETORNO DE BRENNER

Com um desconforto na coxa, o atacante Brenner ainda não atuou desde o retorno do Brasileiro após a pausa para a Copa do Mundo. O atacante, porém, esteve em campo nesta segunda para realizar a fase de transição, mas ainda não há uma data prevista para seu retorno aos gramados.


Brenner começou o ano como titular do Botafogo, marcou seis gols na campanha vitoriosa do Campeonato Carioca, mas perdeu espaço durante o Brasileirão para Kieza. Além dos tentos marcados na competição estadual, o atacante também marcou um gol na Copa Sul-Americana, contra o Audax Italiano, e outro no Campeonato Brasileiro, diante do Grêmio.

MARCINHO RECUPERADO

Outro atleta que não havia participado de nenhuma partida após o fim da Copa do Mundo, Marcinho treinou normalmente e pode retornar ao time titular na quinta-feira. O jovem defensor participou da atividade sem nenhum tipo de limitação, voltando a estar totalmente à disposição de Marcos Paquetá.

O lateral-direito esteve fora de combate por conta de uma pneumonia nesse período. Nas partidas contra Corinthians e Flamengo, Luís Ricardo ocupou a vaga de titular do lado direito da defesa alvinegra, com o zagueiro Marcelo Benevenuto como opção para o setor.

JOÃO PEDRO DEIXA TREINO CEDO

Emprestado pelo Atlético-PR até o fim do ano, João Pedro saiu no início da atividade, que teve a presença de apenas jogadores reservas - o único titular que participou foi Jean, substituído no intervalo da partida contra o Flamengo.

De acordo com a assessoria do clube, o jogador de 21 anos passou mal, sentiu um enjoo e vomitou. Por isso, não preocupa para a sequência do Alvinegro.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade