0

Um dia sem ela

Depois de quinze dias de uma paixão arrebatadora, ela resolveu pedir um tempo. Haja coração!

29 jun 2018
15h25
  • separator
  • 0
  • comentários

Todo dia ela fazia tudo igual. Nos últimos 15 dias, aparecia sem pedir licença, de manhã, à tarde e de vez em quando tinha até repeteco à noite. Haja fôlego! Haja coração! Uma paixão arrebatadora, que ele não sentia fazia quatro anos. Só tinha olhos pra ela e abandonou família e amigos para viver o amor ideal.

Torcida celebra qualquer gol em Copa do Mundo
Torcida celebra qualquer gol em Copa do Mundo
Foto: JOCA DUARTE/PHOTOPRESS / Estadão Conteúdo

Tava tudo muito bom, tava tudo muito bem, até que de repente, sem mais nem menos, ela pediu um tempo. Sim, depois de enchê-lo de promessas, nem todas cumpridas, é verdade, saiu de cena para respirar um pouco e fazer uma reflexão de tudo o que havia passado nessa primeira fase do relacionamento. Mas prometeu voltar no sábado, renovada e com muito mais emoção.

Perdido, cabisbaixo, abandonado, chegou a achar que ela estava fazendo apenas charminho e que no horário de sempre, viveriam aquele momento só deles. Uma rotina que estava longe de ser monótona. Quando a coisa ameaçava cair na mesmice, ela inventava um novo personagem, inovava com vídeos e a vida seguia, com surpresas e algumas decepções.

Só que ela cumpriu a promessa e não apareceu no horário de sempre. O jeito foi se agarrar nas lembranças, nas fotos e textos guardados, nos vídeos gravados. Os mais próximos achavam um exagero, porque afinal tinham sido apenas 15 dias. Mas quando é pra valer, ele repetia pra si mesmo, o tempo não é problema.

E de repente como um filme, as imagens passavam na sua cabeça. As goleadas russas, a força uruguaia, os gols de Cristiano Ronaldo, a quase classificação do Irã, a marmelada entre França e Dinamarca, o drama argentino, o cai-cai de Neymar, a queda da Alemanha para os heróis sul-coreanos, o jogo bonito da Bélgica, o artilheiro Kane, Maradona roubando a cena na torcida....

São tantas emoções. Amanhã ela volta, mas já mandou avisar que na próxima semana quer folga na quarta e na quinta-feira. Disse que é para ele ir se acostumando, porque afinal o pra sempre, sempre acaba.

Fonte: Blog A Copa no sofá   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade