1 evento ao vivo

Após empate com Panamá, Tite faz 6 mudanças para 2º amistoso

Técnico da Seleção Brasileira promoverá o retorno dos titulares, como Thiago Silva e Alisson, e testará o volante Allan, do Napoli

25 mar 2019
14h23
atualizado às 15h03
  • separator
  • comentários

A Seleção Brasileira vai encarar a República Checa nesta terça-feira, em Praga, com uma formação bem diferente da que apenas empatou com o Panamá, no sábado. Nesta segunda-feira (25), o técnico Tite comandou treinamento em que confirmou a mudança de toda a defesa, além de ter sacado Arthur da formação titular.

Tite durante o jogo do Brasil com o Panamá
Tite durante o jogo do Brasil com o Panamá
Foto: Pedro Nunes / Reuters

A troca de toda a defesa já era esperada, pois no amistoso de sábado, Tite testou o setor dom jogadores considerados reservas. Agora, então, os titulares voltam ao time para encarar a República Checa, com Alisson de volta ao gol, Danilo e Alex Sandro atuando nas laterais e Thiago Silva formando a dupla de zaga.

A outra alteração na comparação ao time que ficou no 1 a 1 com o Panamá ocorreu no meio-campo. Tite sacou Arthur e promoveu a entrada de Allan, do Napoli, a sexta novidade para o confronto com a República Checa.

Tite, porém, optou por não modificar o setor ofensivo. Assim, Philippe Coutinho seguirá na formação titular, mesmo após atuação apagada no sábado. Além disso, jovens como Richalison, que ocupou no ataque e vaga que costuma ser do lesionado Neymar, e Lucas Paquetá, autor do único gol brasileiro contra o Panamá, receberão mais uma chance de disputar um amistoso como titulares da Seleção.

Tendo Casemiro como capitão novamente, o Brasil vai entrar em campo às 16h45 (horário de Brasília) desta terça-feira, na Eden Arena, com a seguinte escalação: Alisson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro; Allan, Lucas Paquetá, Philippe Coutinho e Richarlison; Roberto Firmino.

Veja também:

 

Estadão
  • separator
  • comentários
publicidade