PUBLICIDADE
Logo do Seleção Brasileira

Seleção Brasileira

Favoritar Time

Eric Faria relembra troca de entrevistados após o 7 a 1: "Melhor que não tenha ninguém"

Eric Faria lembrou que foi contra a entrevista de Bernard, após o Brasil sofrer derrota por 7 a 1 para a Alemanha

23 abr 2024 - 14h31
(atualizado às 15h07)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Reprodução / TV Globo - Legenda: Eric Faria lembrou das entrevistas após o 7 a 1 / Jogada10

O jornalista Eric Faria, ex-repórter da TV Globo, atualmente comentarista esportivo da emissora, relembrou um caso após a derrota por 7 a 1 do Brasil para a Alemanha, na Copa do Mundo de 2014.

Inicialmente, o comunicador disse que após a partida a assessoria de imprensa da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) sugeriu Bernard para dar entrevista após a derrota. No entanto, ele bateu o pé e foi contra a decisão.

"Aconteceu até um episódio. O Bernard vinha falar com a gente. Chamei um dos assessores de imprensa da CBF. (…) Falei: 'O Bernard não pode ser o responsável por falar. Ele é o moleque mais novo da Seleção. É melhor que não tenha ninguém. É muita culpa'. Ele falou com Júlio e com o David Luiz. Eles vieram e deram aquelas entrevistas", contou Eric Faria em entrevista ao "Canal do TF".

Para refrescar a memória do leitor do Jogada10, a entrevista foi aquela que David Luiz, chorando, disse: "Eu só queria dar alegria para o meu povo". Faria, aliás, explicou o motivo de ter tomado aquela decisão.

"Consegui ter a frieza de consertar aquilo ali. Às vezes, poderia cair na cabeça daquele menino. Talvez, ele pudesse ficar marcado para sempre. Não foram sete frangos, não foram sete falhas, não foram sete pênaltis mal marcados. Todo mundo errou em um jogo desse. Mas ele ser imediatamente o rosto daquele 7 a 1 seria muito pesado", finalizou.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Publicidade