1 evento ao vivo

Thiago Heleno e Camacho são pegos no antidoping na Libertadores

11 mai 2019
17h54
atualizado às 18h41
  • separator
  • 0
  • comentários

A Conmebol notificou oficialmente o Atheltico Paranaense por conta de dois exames positivos no antidoping realizado após a partida diante do Tolima, no último dia 9 de abril, na Arena da Baixada. O zagueiro Thiago Heleno e o volante Camacho teriam utilizado um complemento nutricional antes do jogo.

O General já foi suspenso preventivamente, situação que pode perdurar até 60 dias, prazo para explicações. No caso do volante, ainda falta a contraprova antes de o clube afastar o atleta, também para fazer sua defesa antes do julgamento, que será apenas dos jogadores, não do clube, que segue para as oitavas de final. Ambos, aliás, já não atuaram diante de Jorge Wilstermann e Boca Juniors.

Quem também ficou de fora na Bombonera foi Bruno Guimarães, que teria sido tirado horas antes do jogo por causa de uma gripe, mas havia consumido também o suplemento. Esse também é o caso do meia João Pedro, que esteve na delegação na Libertadores, mas foi emprestado ao Paraná Clube, realizou exames e já não possuía mais a substância no organismo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade