PUBLICIDADE

Ter um propósito de vida é o segredo para viver mais; entenda!

Ir em direção a uma meta pode ser a garantia de uma vida mais longa, saudável e feliz

12 abr 2021
0comentários
Publicidade
Garantia de alguns anos a mais para aqueles que têm um propósito de vida bem definido
Garantia de alguns anos a mais para aqueles que têm um propósito de vida bem definido
Foto: Shutterstock / Alto Astral

A partir dos 60 anos, os cidadãos são considerados idosos e integram o grupo da terceira idade. A velhice chega para todos e não há formas de evitá-la. Então, já que se trata de algo irremediável, por que não compreender ao certo o que é essa fase da vida?

Os anos a mais não devem ser interpretados como um peso maior a ser carregado, não. Muito pelo contrário: atualmente, as maneiras de chegar a essa etapa da vida mantendo-se jovem de corpo, mente e alma são inúmeras. 

Diferentemente da imagem que temos de avós serem aqueles velhinhos de cabelos brancos que apenas ficam em casa, os idosos do século vinte e um continuam ativos no trabalho, no amor e na vida social. 

Mas como garantir uma vida longa e com tanta disposição? Como evitar as doenças que tanto acometem essa parte da população? Tenha um propósito de vida. Isso não é apenas uma dica generalizada, trata-se de uma pesquisa científica chamada AMA Network Open, realizada em 2019, nos Estados Unidos.

Há alguns anos, responderam ao questionário psicológico focado em metas, propósitos de vida e bem-estar, cerca de 7000 adultos acima dos 50 anos foram separados em dois grupos: os mais propensos a morrer nos anos seguintes e o outro com maior chance de longevidade, com base na pontuação obtida. 

O intuito do estudo é entender e comprovar que pessoas com maior propósito de vida têm um risco reduzido não só de morte, como de desenvolver doenças relacionadas ao sistema circulatório, sanguíneo e cardiológico. Há indícios, inclusive, que esse grupo seja menos afetados por estresse, um grande fator no desenvolvimento de problemas de saúde.

Em busca de um propósito de vida

Planejamento faz parte dos propósitos - Shutterstock
Planejamento faz parte dos propósitos - Shutterstock
Foto: Alto Astral

Não há regra na hora de definir um propósito para a vida. Essa definição dependerá exclusivamente daquilo que te move, mas pode estar associada, por exemplo, a um grande sonho ou na junção de várias metas. 

Muitas pessoas fundamentam-se na vontade de ajudar quem precisa, realizando obras de caridade, sendo voluntárias em projetos já existentes ou até mesmo fundando sua própria organização. 

Outras, no entanto, classificam a família como a maior riqueza de suas vidas e as colocam como o principal propósito de sua vida. Nesses casos, a união e os momentos familiares são os combustíveis para a felicidade. 

Uma meta muito comum é o conhecimento. Aprender algo novo e buscar aperfeiçoamento naquilo ou ensinar para outras pessoas aquilo que aprendeu durante os últimos anos podem ser fonte de muita motivação. 

Viva bem cada pequeno momento

Viva intensamente - Shutterstock
Viva intensamente - Shutterstock
Foto: Alto Astral

O valor de cada momento é atribuído por quem o vive. O que pode ser algo pequeno aos olhos dos outros, é grandioso aos seus e assim por diante. Uma grande história é feita de pequenos momentos, de detalhes, que juntos serão capazes de escrevê-la. Portanto, dê a devida importância para tudo aquilo que acontece a sua volta. 

As risadas do dia-a-dia, uma refeição em família, uma ligação, preparar seu prato preferido... As possibilidades são infinitas, então, cabe a você aproveitá-las de um jeito único. 

Uma vida feliz não é como um resultado final, ela acontece em etapas e é a consequência daquilo você vive. Sabendo disso, vale reformular quais são suas prioridades e avaliar um propósito que te mova para anos mais longos e felizes. 

Alto Astral
Publicidade
Publicidade