PUBLICIDADE

Sextou! Álcool atrapalha a hipertrofia mesmo? Entenda

Saiba como ter uma vida social ativa sem que isso prejudique sua evolução na academia

20 mai 2022 08h07
ver comentários
Publicidade
Álcool não é proibido. Mas, quanto menos, melhor
Álcool não é proibido. Mas, quanto menos, melhor
Foto: Shutterstock / Sport Life

O álcool quase sempre é visto como um antagonista de uma vida saudável. Mas, quando chega a sexta-feira, que talvez seja o dia mais aguardado de toda semana, até mesmo alguns adeptos assíduos do estilo fitness acabam caindo em tentação e se rendem à cervejinha após o expediente, o combo de vodca na balada ou ao vinho no jantar romântico.

Seja lá qual for a sua opção favorita, o álcool costuma ser um componente popular em confraternização e momentos de lazer. Afinal, ele provoca um relaxamento do corpo e nos deixa mais descontraídos. Mas, é inegável que o consumo de bebidas alcoólicas é prejudicial para a saúde.

Mas, voltando para o mundo fitness, será que é necessário cortar 100% o consumo de álcool para conseguir a tão sonhada hipertrofia muscular?

"O álcool apresenta calorias elevadas, mas se o consumo for no 'dia do lixo' não é um problema. A caloria dele não é tão relevante assim. O que devemos lembrar é que a maioria das pessoas, junto da ingestão de álcool, consomem petiscos não ideais, como alimentos fritos e queijos gordos. Isso aumenta muito o consumo energético, ou seja, o álcool abre porta para um superávit calórico muito exagerado", explica o assessor esportivo, Leandro Twin.

Ou seja, se você selecionar um dia específico da semana para ingerir álcool e não abusar dele, nem dos petiscos, sua evolução na academia não será impactada de maneira contundente. Mas, também é necessário ficar atento com o dia seguinte. Afinal, quem nunca deixou de treinar após acordar de ressaca? Por isso, é importante não exagerar.

"A questão é: qual é a quantidade moderada? Não existe um estudo de longo prazo com pessoas que estão fazendo um treinamento de hipertrofia e consumindo álcool, ou seja, temos que ser conscientes: quanto menos você ingerir é melhor. Uma quantidade que te deixe relaxado e você acorde bem no dia seguinte é algo bem aceito", aconselha o especialista.

Existe bebida menos prejudicial?

Twin ainda ressalta que algumas bebidas, como caipirinhas ou batidas, possuem adição de açúcar, o que as deixam ainda mais calóricas. Já os destilados em seu estado puro, como o whisky e a vodca, apesar de serem mais alcoólicos, são menos calóricos.

"Porém, é importante lembrar que não temos uma bebida alcoólica mais indicada. Opte pela que você beba menos quantidade, para minimizar a ingestão. Quem bebe para socializar, normalmente as menos alcoólicas são melhores. Quem bebe para sentir o efeito do álcool, as mais puras. Assim, concluímos que, não há problema, mas quanto menos bebermos é melhor", finaliza Twin.

Sport Life
Publicidade
Publicidade