PUBLICIDADE

Bons hábitos para você meditar melhor (parte 2)

Há alguns hábitos que são valiosos para a meditação e vão lhe ajudar a tornar a prática melhor. Descubra quais são!

26 abr 2021
11h42 atualizado às 11h42
11h42 atualizado às 11h42
Publicidade

Meditar é muito prazeroso, porque é você com você. É o momento mais privado do seu dia. No entanto, há alguns hábitos importantes para fazer uma boa meditação.

No primeiro texto sobre o assunto, falo a respeito do melhor horário para meditar, como deve ser o seu cantinho de meditação e sobre a opção de colocar uma música ou meditação guiada. Relembre essas dicas: Bons hábitos para você meditar melhor (parte 1).

Já neste texto, compartilho a segunda parte de hábitos que vão lhe ajudar a meditar melhor. Descubra quais são!

1 - Na meditação, quando você consegue sentir as energias, afastar os pensamentos, relaxar os músculos e tendões, há um grande prazer. Por isso, encontre o prazer de meditar. Encontre o prazer de ser sua melhor versão depois da meditação.

Há alguns hábitos que são valiosos para a meditação e vão lhe ajudar a tornar a prática melhor
Há alguns hábitos que são valiosos para a meditação e vão lhe ajudar a tornar a prática melhor
Foto: Hirurg / iStock

2 - Ao sentar para meditar, é preciso que a coluna esteja relativamente ereta. Portanto, puxe os seus ombros um pouco para trás. Caso pareça desconfortável, faça assim: dê um suspiro que leve os ombros para cima e depois solte-os. Dessa forma, o próprio corpo se encaixa numa postura ereta, sem ser rígido demais para você meditar.

3 - As mãos também precisam ficar confortáveis para a prática e, geralmente, com as palmas para cima. Existem várias posições diferentes, mas uma delas é colocar a mão esquerda sobre o colo e colocar a mão direita sobre ela, com os dedões se tocando.

4 - Você pode meditar em qualquer posição, desde que o seu corpo esteja confortável e a sua coluna relativamente ereta. Você pode meditar, por exemplo, sentado numa poltrona, com as plantas dos pés tocando o chão. Deitado, você só deve meditar se realmente quiser dormir. Senão, a energia não flui da maneira que você deseja, ou seja, transformadora, intensa.

5 - Incômodos também podem aparecer durante a meditação. Você pode sentir, por exemplo, que precisa alongar o corpo ou coçar o nariz. Se isso acontecer, primeiro tente ignorar essa vontade. Mas, se em alguns segundos, não conseguir, alongue-se, coce o nariz e, em seguida, mergulhe intensamente de novo na meditação. Não deixe que essas pequenas coisas tirem você da sua concentração.

No vídeo abaixo, entenda em detalhes cada uma dessas dicas e tenha boas meditações. Namastê!

Bons hábitos para você meditar melhor (parte 2):

 

Seja Zen com Sat Seja Zen com Sat
Publicidade