PUBLICIDADE

'Estou sempre emagrecendo e engordando', diz Nigella, no Brasil

A apresentadora, conhecida por sua sensualidade, disse que o sexo e a comida têm o apetite em comum

6 mai 2013 07h48
| atualizado em 10/12/2013 às 14h36
ver comentários
Publicidade

Os programas de culinária geralmente atraem o público que, historicamente, mais vai para a cozinha: as mulheres. Mas com Nigella Lawson é diferente. Aos 53 anos, ela ocupa o posto de ‘musa da culinária’ com sua voz aveludada, seios fartos, rosto marcante e por uma ausência de culpa ao comer incomum ao sexo feminino, ao se esbaldar com pratos recheados de ingredientes gordurosos.

Ela chega a fechar os olhos para saborear algumas de suas muito calóricas receitas e já declarou que privar-se do prazer de comer é algo que está fora de cogitação. “Isso não significa comer tudo. Isso tem a ver com equilíbrio”, explica, e completa: “estou sempre emagrecendo e engordando”, conta, desta vez, igualando-se a maioria das mulheres.  

A britânica está no Brasil para o lançamento do seu livro Na Cozinha com Nigella. Com 8 milhões de livros vendidos, em 20 idiomas, ela também está à frente de um programa de culinária do canal pago GNT e em mais de 70 países. Em entrevista exclusiva ao Terra, falou sobre sua relação com comida e com o próprio corpo. 

“Eu não perdi muito peso”, disse, quando questionada sobre suas novas curvas. Ela acredita que o burburinho acerca da sua recente perda de peso tem mais a ver com a sorte de sair bem em uma foto do que com a balança em si. “Acho que em algumas fotos pareço mais gorda do que realmente sou”.

<p>Nigella diz que equilíbrio é o segredo para não ter que se privar de comer</p>
Nigella diz que equilíbrio é o segredo para não ter que se privar de comer
Foto: Marcelo Pereira / Terra

Nigella diz ainda que, “quando a maioria do mundo está morrendo de fome”, é uma grande sorte poder não se privar na hora de comer. Ela contou que se fica irritada com as pessoas que estão sempre de dieta.  “Odeio quando vejo pessoas dizendo ‘eu não deveria comer isso’. Acho que isso significa que você tem uma relação não natural com seu corpo e com a comida”.

A apresentadora disse que, justamente por não colocar tanta pressão em torno disso, não sente vontade de comer a toda hora. “Por exemplo, eu não gosto de comer entre as refeições. Prefiro aproveitar o meu café da manhã, o meu almoço”, disse, ressaltando que comer, para ela, tem uma grande importância no seu dia. “Não funciono quando estou com fome”.

Sensualidade na cozinha
Ainda que a sensualidade de Nigella pareça algo mais natural do que ensaiado, a forma como a ‘musa’ se relaciona com a comida acabou sendo reforçada por algumas frases polêmicas que ela já soltou ao longo da vida. Como quando comparou a combinação entre “sal, açúcar e gordura” com um ménage à trois. Ela conta que não imagina o prazer sexual substituindo o prazer de comer. “O que eles têm em comum é o apetite, mas não acho que o prazer seja similar”.

Ela também acha que o sucesso com os homens tem mais a ver com a imagem que uma mulher representa na cozinha, do que com a sensualidade em si. Para ela, uma mulher na cozinha representa o papel de mãe e provedora, por isso acha que é vista tanto por homens quanto para mulheres com uma “intimidade muito intensa”. “Mas não acho que isso é necessariamente sexual’, completa.

Bulimia na família
Bulimia e anorexia são conceitos que parecem distantes da vida de uma apresentadora de programa de culinária, mas o fato é que Nigella já afirmou em entrevista que a própria mãe sofreu de bulimia e anorexia. “Eu acho que isso foi muito importante para que eu tivesse uma boa relação com a comida e não fazer dela o meu inimigo. Porque isso é tão destrutivo”, contou.

Ela disse, ainda, que estes distúrbios “destroem seu corpo, mas a alma também”. “Alguns dos meus livros, especialmente o primeiro, são usado em clínicas de desordem alimentar. Porque é muito importante você aprender a fazer da comida uma amiga, e não uma inimiga. Para mim é importante ajudar pessoas com isso”, pontuou.  

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade