PUBLICIDADE

Janeiro Branco: 5 dicas para cuidar da saúde mental e do seu bem-estar

Um dia a dia cada vez mais dinâmico e dados ruins sobre o bem-estar são alguns dos motivos para os brasileiros se cuidarem melhor; entenda

4 jan 2024 - 05h00
(atualizado em 16/1/2024 às 11h40)
Compartilhar
Exibir comentários
Estratégias para cuidar do bem-estar mental são cada vez mais essenciais no dia a dia
Estratégias para cuidar do bem-estar mental são cada vez mais essenciais no dia a dia
Foto: motortion / Adobe Stock

O início de ano é um momento especial e ideal para refletir sobre o ano recentemente encerrado e, claro, pensar bem sobre as metas e os objetivos desenhados para um novo ciclo. Porém, além de planejar o futuro, também é preciso levar em conta o agora para não deixar de lado dois fatores fundamentais e complementares: a saúde mental e o bem-estar. 

Enquanto pressões e desafios, aspectos inevitáveis do dia a dia, impactam pilares da qualidade de vida, o cenário onde o incontrolável é comum demanda atenção redobrada, e por isso, muitas pessoas escolhem o mês de janeiro para adotar novos hábitos saudáveis: entenda o que é o Janeiro Branco e confira 5 dicas para um ano com menos estresse, ansiedade e mais autoconhecimento e cuidado. 

O que é o Janeiro Branco? 

A campanha brasileira foi idealizada pelo psicólogo Leonardo Abrahão em 2014 com o intuito de conscientizar e mobilizar a sociedade em prol da saúde mental. O nome da iniciativa faz referência ao primeiro mês do ano e é também uma alusão a um papel em branco, reforçando a ideia de que todos podem escrever suas próprias histórias, já que os primeiros dias do ano servem como motivação extra para definir novas metas. 

Burnout, estresse, ansiedade e depressão no Brasil 

De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), a população brasileira é uma das mais ansiosas e estressadas do planeta. Já a Síndrome do Esgotamento, conhecida também como Burnout, é outro ponto que chama a atenção pelos números elevados: o Brasil é o segundo país com mais diagnósticos. 

No final de 2023, o Ministério da Saúde incluiu o Burnout na lista de doenças ocupacionais, algo que já havia sido feito pela OMS, entidade que, por meio do relatório “Depressão e outros transtornos mentais”, aponta que a população do Brasil tem a maior prevalência de depressão na comparação com outros países da América Latina, com mais de 10 milhões de cidadãos impactados. 

Equilíbrio e autocuidado: os pilares do bem-estar mental 

Apesar de alguns tabus ainda persistirem, é possível notar uma sociedade mais preocupada com o próprio bem-estar geral. Priorizar a saúde da mente não se trata apenas de buscar tratamento para transtornos existentes, mas também de prevenção, adotando práticas que auxiliem saúde física, mental e emocional. Conheça 5 bons hábitos que podem ser incluídos na rotina em 2024: 

Praticar atividade física 

Melhora a saúde como um todo, evitando risco de doenças cardiovasculares, e é importante para a promoção do bem-estar mental, já que as endorfinas liberadas durante os exercícios físicos contribuem para o alívio de condições como o estresse. 

Ter uma vida equilibrada 

Além da resiliência, essa pequena e crucial ação diária ajuda na gestão do estresse, na produtividade e, claro, é uma forma de estabelecer limites e tempo para tudo, do trabalho ao descanso e lazer. Muitos indivíduos passaram a buscar rotinas mais leves, e já incluem práticas relaxantes, como a meditação guiada, no dia a dia. 

Criar relacionamentos saudáveis 

O senso de comunidade e o suporte mútuo são essenciais para a convivência humana. Ter empatia e receber e oferecer apoio genuíno são maneiras excelentes de criar conexões positivas, que contribuem para o crescimento pessoal e profissional. O conforto e a segurança são elementos indispensáveis em momentos difíceis.

Qualidade do sono 

Os brasileiros dormem mal, com um número significativo deles indicando sofrer algum tipo de transtorno relacionado ao sono. É fundamental ressaltar que dormir bem não se trata apenas da quantidade de horas, mas da qualidade do descanso: isso contribui para uma boa cognição, o que gera melhor aprendizado e memória, e colabora na recuperação física, incluindo a regeneração dos tecidos musculares. O sono ruim também está ligado a dois dos principais males da sociedade moderna, o estresse e a ansiedade.   

Ajuda profissional 

Apesar de ainda haver certa resistência, a terapia e o acompanhamento com profissionais especializados têm ajudado milhões de pessoas pelo mundo a enfrentarem seus medos e barreiras. O autoconhecimento, a capacidade de gerenciar o emocional e o estabelecimento de boas relações interpessoais são alguns dos principais benefícios. 

Sobre o Atma 

O Atma é um app de meditação e bem-estar disponível nas principais lojas de aplicativos do Brasil com milhares de usuários. Além de disponibilizar mais de 1.000 meditações para assinantes Premium, o serviço oferece um número limitado de conteúdos para não assinantes explorarem diariamente, sem qualquer custo, autoconhecimento e autocuidado.

Siga @atma.vc no Instagram.

Clique aqui para baixar o Atma.

ATMA Seu app de meditação
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade