2 eventos ao vivo

Confira 8 dicas de segurança para comprar online neste Natal

Esta é uma época que dá muito lucro para os cibercriminosos. Confira 8 dicas básicas para você fazer suas compras online com segurança.

23 dez 2018
10h55
  • separator
  • 0
  • comentários

São cerca de estonteantes R$ 69 bilhões os números do faturamento do e-commerce brasileiro na temporada 2018, segundo a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm). É um aumento de 15% que ganha impulso maior com as compras de fim de ano. É um verdadeiro pote de mel para os cibercriminosos.

Com isso em mente, a ESET, empresa de soluções de segurança, enumerou 8 dicas para o usuário poder aproveitar as compras de final de ano sem preocupação.

Foto: ESET / Reprodução

1. CHEQUE SEMPRE A URL DO SITE
Desconfie sempre de sites que sejam desconhecidos do grande público ou que tenham endereços suspeitos. E-mails anunciando promoções falsas usando o nome de grandes empresas são comuns, então, em vez de se apressar e clicar, a melhor maneira de garantir que a compra é segura é escrever o endereço na barra do navegador e verificar cuidadosamente se a oferta que recebeu por e-mail é real.

2. ATENDIMENTO AO CLIENTE COM E-MAIL GRATUITO
Fique de olho em empresas que oferecem um serviço de SAC feito com remetente de e-mail gratuito, tipo Gmail, Hotmail ou Yahoo. Empresas grandes geralmente possuem um domínio próprio e não entrarão em contato por e-mails pessoais.

3. ANEXOS E LINKS: NÃO CLIQUE
Evite clicar em qualquer link ou anexo enviados por e-mail, ou mesmo em mensagens instantâneas ou postagens de mídia social sem antes falar com a empresa por outro canal. Às vezes, basta entrar no site oficial da empresa para ter certeza de que a mensagem é verdadeira.

4. ANTIVÍRUS: COMO ASSIM NÃO TEM?
Mantenha o sistema operacional e os aplicativos atualizados. Isso reduz o número de brechas pelas quais os invasores podem comprometer o equipamento. Use também um software de segurança confiável, que te proteja inclusive para transações bancárias online.

Wi-fi de cafeterias e restaurantes: use sempre uma VPN
Wi-fi de cafeterias e restaurantes: use sempre uma VPN
Foto: Divirtual / Foter.com / CC BY-NC-SA

5. USE UMA VPN
Evite usar o wi-fi desconhecido ou público para fazer transações bancárias ou comprar produtos em sites, mesmo que com boleto. Caso realmente seja necessário fazer a conexão naquele momento, utilize uma rede privada virtual (VPN), que funciona como um túnel criptografado que serve como mais uma camada de proteção para a transferência de dados online.

6. DUPLO FATOR DE AUTENTICAÇÃO
Além de ter senhas complexas e exclusivas para cada serviço, sempre que possível, ative o fator duplo de autenticação em todos os sistemas ou serviços disponíveis. Assim você evita que um atacante virtual invada suas contas pessoais.

7. PAGAMENTOS ATRAVÉS DO SITE
Empresas confiáveis de comércio eletrônico têm ferramentas de pagamento seguras já incluídas na plataforma. Evite fazer pagamentos por meio de transferências bancárias, ordens de pagamento ou outros meios. Permaneça sempre dentro da plataforma onde comprou.

8. AH, O CARTÃO DE CRÉDITO...
Muita gente pensa que ele é o meio mais suscetível a golpes. No entanto, cartões de crédito têm seguro em caso de fraude e a transação pode até ser revertida ou cancelada em alguns casos. O mesmo não ocorre com boletos, que podem ser alvo fácil de fraude.

“Se uma oferta parecer boa demais, é provável que seja uma farsa. Verifique em mais de uma fonte qualquer promoção demasiado boa para ser verdade”, diz Camillo Di Jorge, country manager da ESET no Brasil. “Com o aumento do volume de compras no final do ano, os riscos de fraudes também crescem. Prevenção é a chave para a segurança cibernética.”

 

Digital
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade