1 evento ao vivo

Turquia: polícia usa bombas de gás para retirar manifestantes de parque

As forças de ordem entraram no parque e expulsaram todos os ocupantes atirando bombas de gás lacrimogênio

15 jun 2013
16h13
atualizado às 16h27
  • separator
  • 0
  • comentários

A polícia turca evacuou ao anoitecer deste sábado milhares de manifestantes que ocupavam o Parque Gezi de Istambul, duas horas depois de um novo ultimato do premier turco, Recep Tayyip Erdogan, forçando-os a deixar o local, constataram jornalistas da AFP.

Policiais expulsaram os manifestantes do parque neste sábado
Policiais expulsaram os manifestantes do parque neste sábado
Foto: AP

As forças de ordem entraram no parque, reduto da contestação antigovernamental que há duas semanas agita a Turquia, e expulsaram todos os ocupantes atirando bombas de gás lacrimogênio.

Muitas barracas nas quais os ocupantes se dispunham a passar a noite foram destruídas durante a intervenção e vários manifestantes foram detidos.

Pouco antes, as forças de ordem tinham evacuado, primeiro com jatos d'água e depois com gás lacrimogênio, vários manifestantes que tinham se reunido na Praça Taksim para gritar palavras de ordem hostis a Erdogan.

Uso da força
Mais cedo, o primeiro-ministro turco, Recep Tayyip Erdogan, advertiu que a polícia usaria a força para retirar quem continuasse ocupando o parque. "Falo abertamente. Se amanhã não estiver vazio, as forças de segurança o esvaziarão. Este Estado não é vosso brinquedo", anunciou Erdogan em um comício de seu partido, o islamita moderado AK, em Ancara.

Erdogan voltou a prometer que não empreenderá a reurbanização que causaria a destruição do parque até que os juízes determinem se o projeto é legal e que, em qualquer caso, organizará uma consulta popular. "Se as pessoas decidirem que querem o parque, o deixaremos. Se o povo quiser o museu municipal, o construiremos. Faremos o que o povo quiser", prometeu em referência a um dos possíveis usos previstos para o edifício que substituiria essa zona verde.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade