PUBLICIDADE

Irã diz que tripulação de dois petroleiros confiscados não foi detida e está a bordo

28 mai 2022 15h29
ver comentários
Publicidade

O órgão estatal marítimo do Irã disse neste sábado que a tripulação de dois navios petroleiros confiscados pela Guarda Revolucionária na sexta-feira não foi detida, estava em bom estado de saúde e sendo tratada a bordo das embarcações.

Forças iranianas confiscaram dois petroleiros gregos no Golfo na sexta-feira, pouco depois de Teerã alertar que tomaria "ações punitivas" contra Atenas pelo confisco de óleo iraniano pelos Estados Unidos em um petroleiro mantido na costa grega.

"A tripulação dos dois petroleiros gregos não foi detida e todos os membros… estão em bom estado de saúde e estão sendo protegidos e recebem serviços necessários a bordo, de acordo com leis internacionais", afirmou a Organização Marítima e de Portos do Irã em um comunicado veiculado pela imprensa estatal.

Os dois navios foram parados por "violações marítimas" não especificadas, disse o órgão.

A Grécia afirmou na sexta-feira que um helicóptero naval iraniano pousou no navio com bandeira grega Delta Poseidon, em águas internacionais, e sequestrou a tripulação. Disse que um incidente similar aconteceu em outro barco com bandeira grega perto do Irã, sem nomeá-lo. Atenas disse que as duas ações violaram leis internacionais.

Autoridades gregas mês passado apreenderam o Pegas, com bandeira iraniana, na costa grega, devido às sanções da União Europeia. Os Estados Unidos posteriormente confiscaram o carregamento de petróleo a bordo, segundo publicou a Reuters na quinta-feira.

O Pegas e sua tripulação russa foram posteriormente liberados, mas o confisco inflamou as tensões, com o Irã e potências mundiais tentando ressuscitar o acordo nuclear de 2015.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade