0

Polícia fecha 'bordel' de bonecas sexuais na Itália

Autoridades averiguam condições sanitárias do estabelecimento

12 set 2018
14h18
atualizado às 15h15
  • separator
  • comentários

A Polícia Comercial e a Vigilância Sanitária da cidade de Turim, no norte da Itália, fecharam nesta quarta-feira (12) o "bordel" com bonecas sexuais realistas "Lumi Dolls", que havia sido aberto no último dia 3.

Turim abre primeiro bordel de 'bonecas sexuais' da Itália
Turim abre primeiro bordel de 'bonecas sexuais' da Itália
Foto: EPA / Ansa

As autoridades constataram que os proprietários do local estavam utilizando o imóvel de forma ilegal, já que o empreendimento "hospeda" clientes por até quatro horas, apesar de estar registrado na prefeitura como uma espécie de loja. A Polícia Comercial da cidade, portanto, concluiu que a casa teria de estar sujeita a outro tipo de legislação, que estabeleça normas sanitárias para o funcionamento.

O local oferecia entretenimento lúdico-sexual com ao menos 10 bonecas realistas, produzidas em elastômero termoplástico, material que imita a pele humana. As bonecas não são infláveis, mas sim articuladas e resistentes à água. Os clientes pagavam 80 euros por cada meia hora de entretenimento.

Os moradores do prédio em que o "bordel" se instalou protestam desde a abertura do empreendimento. Autoridades sanitárias averiguam se os sistemas de limpeza das bonecas está de acordo com o padrão sanitário local.

Além da Itália, a "LumiDolls" possui um estabelecimento em Barcelona, na Espanha, e outro em Moscou, na Rússia. A empresa catalã já possui mais de 160 pedidos para abrir novas casas em outras cidades italianas.

Veja também:

Ansa - Brasil   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade