0

Luciana Genro contesta Ibope no TSE por suposta fraude

12 ago 2014
19h33
atualizado às 19h45
  • separator
  • comentários

A candidata do Psol à Presidência da República, Luciana Genro, protocolou nesta terça-feira no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) representação contra o Ibope. O questionamento tem como base a ausência do nome da candidata na última pesquisa realizada pelo instituto entre os dias 3 e 6 de agosto, em 175 municípios. A pesquisa ouviu 2.506 eleitores.

A representação tem como base uma informação recebida pela campanha de Luciana Genro na semana passada. A denúncia veio de um eleitor, não filiado ao partido, que relatou que ao ser questionado por um entrevistador do Ibope, na capital paulista, verificou que o nome da candidata do Psol não constava, mas apenas os nomes dos candidatos Dilma Rousseff (PT), Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB).

Luciana pede a suspensão imediata dos resultados da pesquisa realizada pelo Ibope e a divulgação da suspensão pela Rede Globo, emissora de televisão que contratou a pesquisa.

Segundo a candidata, o fato de não aparecer o seu nome no questionário seja o motivo pela qual ela aparece, junto com outros candidatos, com 1% das intenções.

Coligações partidárias: Dilma, Aécio e Eduardo CamposColigações partidárias: Dilma, Aécio e Eduardo Campos

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade