PUBLICIDADE

Pastor é morto a facadas por neto de 17 anos no Maranhão

A morte do pastor João Rodrigues gerou comoção no município de Viana

28 fev 2024 - 16h32
(atualizado às 16h52)
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
O pastor João Rodrigues foi assassinado a facadas por seu neto na cidade de Viana (MA). O adolescente de 17 anos foi apreendido pela Polícia Militar, e os motivos apontados pelo pai do jovem para o crime foram o uso de drogas e problemas psiquiátricos.
O pastor João Rodrigues
O pastor João Rodrigues
Foto: Reprodução

O pastor João Rodrigues, da Igreja Pentecostal Evangélica Deus é Vida, em Viana, no interior do Maranhão, foi assassinado a facadas por seu neto, na noite da última terça-feira, 27. O crime aconteceu na casa do pároco, situada ao fundo da igreja onde o pastou exercia a função de líder religioso.

Segundo a Polícia Civil do Estado, o adolescente de 17 anos desferiu dois golpes de arma branca contra o seu avô, que não resistiu aos ferimentos e morreu. Após o crime, uma equipe da Polícia Militar conseguiu apreender o adolescente, que foi levado à sede da Delegacia Regional de Viana.

Em depoimento, o pai do jovem disse que o filho possui problemas psiquiatrícos e com uso de drogas. Nesta quarta-feira, 28, outros familiares e testemunhas estão sendo ouvidos pela Polícia Civil. O adolescente continua apreendido à disposição do Poder Judiciário.

A morte gerou comoção na cidade. A Prefeitura de Viana divulgou uma nota de pesar pelo falecimento. "O Pastor João Rodrigues foi um estimado e honrado cidadão vianense, e sua partida deixa uma lacuna em nossa cidade. Que Deus conforte os corações daqueles que estão sofrendo com essa perda irreparável e que a memória e o legado do Pastor João Rodrigues permaneçam como exemplo de fé e dedicação", diz parte da nota.

O Conselho de Pastores e Líderes Evangélicos de Viana (Coplev) também comentou o caso, dizendo se solidarizar com pesar pela "partida do nobre colega de ministério".

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade