PUBLICIDADE

Bolsonaro: Preferimos morrer lutando do que perecer em casa

Presidente voltou a chamar o Exército de seu, acrescentando agora também as demais Forças

7 mai 2021 13h35
| atualizado às 14h00
ver comentários
Publicidade

O presidente Jair Bolsonaro disse nessa sexta-feira que ele e seus apoiadores preferem "morrer lutando do que perecer em casa", e voltou a afirmar que "seu Exército" não será usado para manter as pessoas em casa.

Presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto
05/05/2021
REUTERS/Ueslei Marcelino
Presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto 05/05/2021 REUTERS/Ueslei Marcelino
Foto: Reuters

"Vocês que são o grande exército brasileiro farão tudo, até a própria vida, para garantir a liberdade", disse Bolsonaro, para afirmar na sequência: "Preferimos morrer lutando do que perecer em casa."

Bolsonaro voltou a chamar o Exército de seu, acrescentando agora também as demais Forças --Marinha e Aeronáutica-- na lista, e afirmou que não "receará se tiver que tomar uma decisão."

O presidente voltou a dizer que tem um decreto pronto para revogar medidas de restrição de circulação baseado no artigo 5º da Constituição, que trata dos direitos e deveres do cidadão.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade