PUBLICIDADE

Como a polêmica envolvendo Will Smith explica questões sobre crime e castigo

Quem está mais suscetível a sofrer à risca com suas atitudes e quem pode ser perdoado?

4 abr 2022 - 12h36
(atualizado às 18h57)
Ver comentários
"Piadas sobre mim são parte do meu trabalho, mas uma piada sobre a condição médica de Jada foi demais para eu aguentar e reagi de forma emotiva", escreveu o ator em pedido de desculpas
"Piadas sobre mim são parte do meu trabalho, mas uma piada sobre a condição médica de Jada foi demais para eu aguentar e reagi de forma emotiva", escreveu o ator em pedido de desculpas
Foto: Popline

O tapa do Will Smith no Chris Rock foi o assunto mais comentado da 94ª cerimônia do Oscar. Mais falado inclusive do que o prêmio que Will recebeu de melhor ator por sua atuação em King Richard. Toda discussão fez com que a Academia iniciasse um processo disciplinar contra ele alegando “violações dos padrões de conduta da Academia, incluindo contato físico inadequado, comportamento abusivo ou ameaçador e comprometimento da integridade da Academia”. Isso fez com que Will Smith renunciasse como membro da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood. Além disso o ator teria se internado em uma clínica para poder ter ajuda e lidar melhor com o stresse.

Essa conduta do Oscar me fez lembrar alguns nomes que fazem parte dela, que tem acusações gravíssimas e que não sofreram metade das críticas que o Will vem sofrendo nos últimos dias, não só da comissão do Oscar, mas também de grande parte das pessoas. Coincidência ou não todos esses abaixo são homens BRANCOS:

Em entrevista ao programa Conversa com Bial, da TV Globo, o cineasta se defendeu das acusações
Em entrevista ao programa Conversa com Bial, da TV Globo, o cineasta se defendeu das acusações
Foto: Reuters

O cineasta Woody Allen autor de filmes como Meia Noite Em Paris, Crimes e Pecados e Manhattan carrega uma acusação de abuso sexual. Ele foi acusado pela filha adotiva de ter abusado dela sexualmente quando ela tinha apenas 7 anos de idade. É um assunto bem pesado e quem quiser saber mais sobre assista o documentário Allen contra Farrow. Vale lembrar também que a atual esposa do diretor era enteada dele.

Após onda de testemunho de vítimas, ator declarou que quer ser "parte da solução"
Após onda de testemunho de vítimas, ator declarou que quer ser "parte da solução"
Foto: ePipoca

O irmão de Ben Affleck, Casey Affleck, foi acusado por duas mulheres que trabalharam com ele na gravação do filme I'm Still Here de assédio sexual. As acusações foram resolvidas fora do tribunal e ainda assim ele ganhou um Oscar 7 anos após as acusações. O próprio ator ator admitiu ter tido comportamentos incorretos.

Donya Fiorentino chegou a detalhar o episódio que resultou em divórcio logo em seguida
Donya Fiorentino chegou a detalhar o episódio que resultou em divórcio logo em seguida
Foto: Reuters

Outro que foi acusado pela ex-companheira foi Gary Oldman. A ex-mulher do ator acusou Oldman de abuso físico e emocional durante o casamento, incluindo uma agressão com um telefone na frente dos filhos. 

No inicio dos anos 2000 em um programa de TV Hilarie Burton teve seu seio apalpado por Ben Affleck.

Quando a acusação veio à tona, Spacey se assumiu pela primeira vez como homossexual
Quando a acusação veio à tona, Spacey se assumiu pela primeira vez como homossexual
Foto: Reuters

Existem outros nomes que sofreram acusações sérias como Kevin Spacey, Harvey Weinstein, Roman Polanski, James Toback e Oliver Stone. Algum desses sofreram punições, outros foram expulsos da academia após muitos anos e tantos ainda não foram nem intimados pela comissão do Oscar.

Com isso eu quero dizer que as punições por vezes são seletivas. Will por exemplo, além da expulsão, teve filmes pausados como Bad Boys 4 e Fast and Loose. Não vou entrar no mérito de comprar as acusações acima com a do Will. Não é esse o foco. Contudo é importante lembrar que Polanski ganhou prêmios após acusações de estupro, Woody Allen não parou de dirigir filmes, Kevin Spacey já voltou a atuar e até Jhonny Depp, que foi acusado de violência contra a sua ex-companheira, foi homenageado em festivais.

A questão que quero levantar é sobre crimes e castigos. Quem está mais suscetível a sofrer à risca com suas atitudes e quem pode ser perdoado. E esses questionamentos não se resumem a instituição Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood. Isso é uma critica a toda sociedade.

 

Fonte: Luã Andrade Luã Andrade é criador de conteúdo digital na página do Instagram @escurecendofatos. Formado em comunicação social e membro da APNB. Luã discute questões étnico raciais há dez anos e acredita que o racismo deva ser debatido em todas as esferas da sociedade.
Publicidade
Publicidade