PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Fiat Mobi elétrico? Se a Stellantis quiser, já tem pronto na China

Saiba como a joint-venture entre a Stellantis e a chinesa Leapmotor já começa a dar resultados concretos e pode beneficiar a Fiat

12 abr 2024 - 17h40
Compartilhar
Exibir comentários
Leapmotor T03: subcompacto elétrico chinês começa a ser fabricado pela Stellantis
Leapmotor T03: subcompacto elétrico chinês começa a ser fabricado pela Stellantis
Foto: Leapmotor / Guia do Carro

A ideia de um Fiat Mobi elétrico parece distante, pois dificilmente vai ocorrer antes de 2028, mas não é absurda. Agora é o momento em que as montadoras estão definindo os carros que serão lançados daqui a quatro, cinco ou seis anos (2028 a 2030). E a fabricação do BYD Dolphin Mini na Bahia tem potencial para mudar o mercado de carros urbanos.

Por isso, o início da produção do Leapmotor T03 na fábrica da Stellantis na Polônia é uma ótima notícia para Emanuele Cappellano, CEO da Stellantis América do Sul. O Jeep Avenger elétrico é um dos carros produzidos em Tychy, planta reservada também para carros elétricos da Fiat e da Alfa Romeo.

Plataforma elétrica do Leapmotor T03, agora à disposição da Stellantis
Plataforma elétrica do Leapmotor T03, agora à disposição da Stellantis
Foto: Leapmotor / Guia do Carro

Ainda este ano começa a ser montado, em sistema CKD, o pequeno carro elétrico urbano T03, da Leapmotor. Pelo acordo, a Stellantis pode fabricar os BEVs da Leapmotor não apenas na Europa, mas também em outras regiões. Por que não a América do Sul? O Leapmotor T03 tem todas as características para ser a base de um futuro subcompacto elétrico da Fiat.

O Leap T03 tem medidas muito próximas das do Fiat Mobi. Enquanto o carro chinês T03 mede 3.620 mm de comprimento, 1.652 mm de largura e 1.605 mm de altura, o Mobi tem, respectivamente, 3.596 mm, 1.666 mm e 1.523 mm. Os dois carros têm porta-malas pequeno e proposta urbana.

Leapmotor T03 mede 3.620 mm, apenas 24 mm a mais do que o Fiat Mobi
Leapmotor T03 mede 3.620 mm, apenas 24 mm a mais do que o Fiat Mobi
Foto: Leapmotor / Guia do Carro

Dependendo dos incentivos do governo, o Mobi pode ser o carro elétrico -popular da Fiat, criando uma defesa para um potencial ataque da BYD com o Dolphin Mini, que mede 3.780/1.715/1.580 mm. Outra opção para a Fiat é deixar o Mobi como está (apenas com um sistema Bio-Hybrid) e relançar o Uno no Brasil, mas teria que aumentar a carroceria em realação ao T03, pois o Uno media 3.820 mm. 

A Fiat é a marca mais estratégica para o futuro da Stellantis. Fabricante número 1 dentro do Grupo Stellantis, a Fiat precisa defender sua liderança no Brasil e na América do Sul e ocupar espaço dentro da Itália, onde o governo namora montadoras chinesas como forma de pressão, para aumento da produção local de carros.

Carroceria monobloco do Leapmotor T03: para ser um Fiat Mobi só precisa da "lataria"
Carroceria monobloco do Leapmotor T03: para ser um Fiat Mobi só precisa da "lataria"
Foto: Leapmotor / Guia do Carro

O Leapmotor T03 tem atualmente três opções de motor na China, com potência de 40 kW (54 cv), 57 kW (77 cv) e 79 kW (108 cv). O alcance elétrico pode ir de 200 a 403 km, dependendo da bateria e da potência. A grande vantagem do Leapmotor T03 para a Stellantis é que se trata de um carro elétrico de baixo custo. Na China, ele é cerca de R$ 14 mil mais barato do que o BYD Seagull (Dolphin Mini aqui).

É importante acrescentar que a fabricação de um carro elétrico é menos complexa do que a de um carro a combustão. E agora a Fiat (e a Stellantis em geral) tem essa ótima opção chegando na fábrica da Polônia. Veja nesta reportagem as fotos da plataforma do Leapmotor T03, que pode ser transferida para o Brasil, caso Capellanno considere necessário fazer essa defesa de mercado.

Leapmotor T03 tem 4 portas e porta-malas pequeno, como o Fiat Mobi
Leapmotor T03 tem 4 portas e porta-malas pequeno, como o Fiat Mobi
Foto: Leapmotor / Guia do Carro

Visualmente o Leapmotor T03 é um carro simples na parte externa, mas isso não é problema, pois a carroceria é a parte mais fácil de mudar. A Fiat tem simplesmente a segunda maior fábrica de automóveis do mundo em Betim, MG. Por dentro, o T03 é interessante, com multimídia, uma grande tela de 13”, navegador e ar-condicionado.

Como dissemos, estamos tratando aqui de suposições, pois, oficialmente, a Stellantis não divulgou sequer quando vai começar a montar o Leapmotor T03. O cenário para o futuro é este; pode acontecer ou não, pois as mudanças de estratégia na indústria automobilística estão sendo muito rápidas.

Leapmotor T03 tem interior moderno comtela multimídia de 13"
Leapmotor T03 tem interior moderno comtela multimídia de 13"
Foto: Leapmotor / Guia do Carro

Segundo o site Motor24, de Portugal, a Stellantis produziu o pequeno Fiat 500 a combustão em Tychy durante 15 anos, mas a produção termina no primeiro semestre deste ano porque o 500 não cumpre os requisitos de homologação a partir de julho.

“O acordo confere à Stellantis o direito exclusivo de construir e vender veículos Leapmotor fora da China, o que não significa necessariamente limitar a atividade à Europa”, disse o Motor24. “Carlos Tavares, CEO da Stellantis, disse no mês passado [fevereiro] que a empresa também poderia construir veículos elétricos na América.”

Guia do Carro
Compartilhar
Publicidade
Publicidade