0

Entenda por que Corinthians tem tudo para eliminar Guaraní

Retrospecto de Tiago Nunes em jogos em casa na Libertadores é trunfo para Timão seguir adiante na Libertadores

12 fev 2020
11h45
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

 

Pau que bate em Chico, bate em Francisco. Assim como no jogo de ida, o retrospecto do técnico corintiano fora de casa na Libertadores (quatro derrotas em quatro jogos) era o prenúncio de que o Timão sofreria no Paraguai, hoje os números trazem esperança para a Fiel acreditar na virada.

Pedrinho é a novidade do Corinthians para o jogo de volta contra o Guaraní pela Libertadores
Pedrinho é a novidade do Corinthians para o jogo de volta contra o Guaraní pela Libertadores
Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians / Goal


Tiago Nunes comandou o Athletico Paranaense quatro vezes em casa na Libertadores do ano passado. Na primeira fase da competição, goleou o Jorge Wilstermann por 4 x 0, enfiou 3 x 0 no poderoso Boca e venceu o Tolima por 1 x 0. Depois, nas oitavas de final sofreu a única derrota: 1 x 0 para o Boca.

Se repetir qualquer um dos resultados da primeira fase, na pior das hipóteses o Corinthians leva a decisão contra o Guaraní para os pênaltis. E aí Cássio pode fazer a diferença.

É claro que o retrospecto do técnico de nada vai valer se dentro de campo o Corinthians não fizer valer sua superioridade técnica. É preciso jogar com o coração, mas sem desespero.

O Guaraní merece respeito, mas está na hora do Timão vencer o time paraguaio pela primeira vez. Sofrer a quarta derrota em quatro jogos para o rival vai ser demais pra cabeça de qualquer corintiano.

 

Veja também:

Duelo entre Fluminense e Palmeiras promete ser o destaque da rodada do meio de semana do Brasileiro
Paradinha Esportiva Paradinha Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade