PUBLICIDADE
Logo do Corinthians

Corinthians

Favoritar Time

Mesmo amado pelo elenco, António Oliveira corre risco de demissão no Corinthians

Treinador perde prestígio interno no Timão

24 abr 2024 - 14h38
Compartilhar
Exibir comentários

A derrota do Corinthians por 1 a 0 para o Argentinos Juniors na terça-feira (23), pela Sul-Americana, escancarou a pressão sobre o técnico António Oliveira. O português perdeu prestígio, balança no comando do clube alvinegro e corre risco de ser demitido.

Foto: Lance!

O que tem segurado o treinador no cargo é a boa relação com o elenco. Esse fator foi crucial para a demissão de Mano Menezes em fevereiro, por exemplo, que não se entendia com os atletas.

O antecessor de António Oliveira não vivia um clima amistoso com o elenco do Corinthians. Somado aos resultados ruins no Campeonato Paulista, não resistiu à pressão e foi demitido logo no início do ano.

Ainda assim, a avaliação interna do comando do futebol corintiano é que António Oliveira não tem feito o elenco ter respostas positivas em campo e que o time está em retrocesso técnico. Há um incomodo, também, com a falta de variação no esquema de jogo.

Ainda assim, o treinador português deve ser mantido no cargo em um primeiro momento, mas começa a ficar a ameaçado se mantiver o desempenho negativo. Uma derrota para o Fluminense no domingo (28), por exemplo, pode tornar insustentável a pressão sobre o profissional.

O Corinthians não vence há quatro partidas, sendo um empate e três derrotas consecutivas no período. Neste intervalo, o Timão não fez gols e possui uma seca de 360 minutos.

Lance!
Compartilhar
Publicidade
Publicidade