1 evento ao vivo

Chelsea bate Burnley com gol de Willian; Arsenal só empata com o Palace

28 out 2018
12h42
atualizado às 12h42
  • separator
  • comentários

O Chelsea de Maurizio Sarri segue em busca dos líderes do Campeonato Inglês. Na manhã deste domingo, contando com um gol e bela atuação de Willian, os Blues venceram facilmente o Burnley por 4 a 0. Os outros tentos da partida foram marcados por Morata, Barkley e Loftus-Cheek.

Apesar de alguns sustos, o time de Londres controlou bem o jogo, sem correr riscos, especialmente no segundo tempo, quando conseguiu marcar rapidamente, e administrou bem o resultado, que deixa a equipe em segundo lugar na Premier League, com 24 pontos, dois de desvantagem para o Liverpool, atual líder.

Lembrando que nesta segunda-feira, o Manchester City pode voltar a ponta, caso vença o Tottenham. O time de Guardiola empata em pontos com o Liverpool, mas supera os Reds no saldo de gols.

Os comandados de Sarri voltam a campo já nesta quarta-feira, pela Copa da Liga Inglesa, contra o Derby County, no Stamford Bridge. A partida marcará o reencontro da torcida do Chelsea com o ídolo Frank Lampard, treinador do adversário. Já o Burnley pega o West Ham, fora de casa, no próximo final de semana.

Chelsea é melhor e sai na frente com Morata

Melhor tecnicamente, os Blues tentaram resolver a partida logo de cara. Aos 12 minutos, Barkley tentou de fora da área, mas Joe Hart fez bela defesa, e evitou o tento da equipe visitante. A resposta veio cinco minutos depois, Defour aproveitou cruzamento da direita, e de voleio tentou, mas a bola foi pela linha de fundo.

Em busca também da vitória, o Burnley dava espaços ao Chelsea, que quase abriu o placar com Willian, mas a bola caprichosamente bateu na trave. Na sequência, em bela jogada de troca de passes, Barkley acionou Morata, que tirou do goleiro e inaugurou o marcador aos 22 minutos no Turf Moor.

A partida seguia animada e equilibrada. Dois minutos depois, Tarkowski recebeu bom cruzamento da direita, mas acabou mandando por cima do gol. O time de Sarri respondeu em contra-ataque e finalização de Willian, bloqueada pela defesa, e quase encontrando o caminho das redes.

Ainda no primeiro tempo, Morata teve a oportunidade de ampliar o marcador. Porém, a finalização acabou sendo em cima de Hart. Assim, e etapa inicial terminou com vitória parcial do Chelsea por 1 a 0.

Willian joga bem e é premiado com gol

Na etapa final, o Chelsea dominou o início, e quase ampliou com Morata de cabeça, após bela jogada de Willian pela esquerda. O segundo gol estava maduro e saiu aos 12 minutos do segundo tempo. Barkley recebeu com liberdade, e de fora da área acertou um bonito chute de canhota, no cantinho, sem chances para Hart.

Com vitória encaminhada, o time de Londres queria mais e conseguiu aos 18 minutos. Willian recebeu da esquerda, trouxe pelo meio e bateu no canto, rasteiro. O brasileiro merecia anotar o seu tento, pois fazia uma bela partida.

O placar estava mais do que definido. Assim, Sarri começava a poupar algumas de suas principais peças, e dado oportunidade a atletas pouco aproveitados como Giroud e Fàbregas. O centroavante francês até teve uma chance de deixar sua marca, mas não aproveitou.

Sobraria tempo para mais um gol dos Blues. Após escanteio na área e bola espirrada, ela sobrou limpa para Loftus-Cheek fechar a conta e decretar o placar em 4 a 0.

Arsenal consegue virada relâmpago, mas sofre empate

No duelo londrino da rodada, Crystal Palace e Arsenal ficaram no empate em 2 a 2, no Selhurst Park. Os donos da casa saíram na frente, sofreram a virada, mas conseguiram empatar. Assim, a sequência de onze vitórias seguidas dos Gunners na temporada foi interrompida. Os gols foram marcados por Milivojevic duas vezes, de pênalti. Xhaka e Aubameyang fizeram para o time de Unai Emery.

O resultado deixa o Arsenal em quarto lugar, com 22 pontos, quatro a menos em relação ao Liverpool, atual líder. O Palace tem oito e está no 14º lugar.

As equipes faziam um jogo bem movimentado, com boas chances de gol dos dois lados. Porém, ainda antes do apito final do primeiro tempo, o árbitro assinalou pênalti a favor do Crystal Palace. Na cobrança, Milivojevic não desperdiçou e colocou os donos da casa na frente.

Na volta para o intervalo, os Gunners estavam dispostos a buscar os três pontos, para não deixarem os líderes se desgarrarem na competição. Aos seis minutos, Xhaka cobrou falta com perfeição, no ângulo do goleiro Hennessey, que nada pôde fazer.

Cinco minutos depois, veio a virada dos comandados de Unai Emery. Xhaka cobrou escanteio, Lacazette ajeitou e Aubameyang, mostrando oportunismo e porque é um dos melhores atacantes do mundo escorou para marcar o segundo gol.

O Palace se atirou em busca do empate, e quase conseguiu com Meyer, duas vezes. Na primeira, o jogador acertou o travessão, e na segunda ocasião, na marca do pênalti, mandou por cima do gol. Os donos da casa partiram para a pressão e conseguiram o empate com Milivojevic em mais uma cobrança de penalidade máxima. Final 2 a 2.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade