PUBLICIDADE

Enquete: Você apoiaria uma 'Superliga da F1' com Mercedes, Red Bull, Ferrari e McLaren?

A Superliga do futebol europeu foi o grande assunto dos últimos dois dias. Você apoiaria uma proposta semelhante no automobilismo?

20 abr 2021
0comentários
Publicidade
Fórmula 1 vai mostrar novos gráficos ao longo do ano
Fórmula 1 vai mostrar novos gráficos ao longo do ano
Foto: Bahrain International Circuit / Grande Prêmio

O GRANDE PRÊMIO fez uma enquete pelo Twitter e quer saber a opinião dos leitores e espectadores: se existisse uma 'Superliga' da Fórmula 1 com Mercedes, Red Bull, Ferrari e McLaren — Williams talvez? —, cada uma correndo com quatro carros e dividindo igualmente o bolo financeiro, você seria a favor ou contra?

Responda clicando SIM ou NÃO abaixo:

O futebol europeu sofreu um enorme baque no começo desta semana. A proposta da Superliga, campeonato sem promoção e rebaixamento que promete reunir apenas um grupo seleto de 'melhores' equipes do continente, saiu do papel com a ideia de desafiar a Champions League. É, em essência, uma ruptura movida pelo desejo de maximizar lucros com o esporte mais popular do mundo. Só que é bom não se enganar: a Fórmula 1 já teve movimentos gananciosos que quase levaram ao fim do certame como conhecemos.

O futebol europeu flerta com uma cisão, com equipes na Superliga e equipes na Champions League. Se os mandatários da bola quiserem aprender algo, que olhem para a Fórmula 1: apesar de constantes desentendimentos internos, foi só a união que permitiu o estabelecimento de um campeonato verdadeiramente icônico.

A falta de união, por sua vez, não precisou nem de 48h para cobrar um preço. A saída de Chelsea e de Manchester City da Superliga já é dado como iminente pela imprensa britânica. O presidente do Manchester United, por sua vez, não resiste ao fiasco e renuncia. Uma reunião de emergência será realizada na noite desta terça-feira (20) para definir os próximos passos. Que serão do fim de uma aventura que não devia nem ter começado.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade