PUBLICIDADE

Ibovespa cai com exterior misto; PetroReconcavo (RECV3) lidera ganhos, Petz (PETZ3) tem a maior queda e dólar fecha em alta

24 abr 2024 - 12h28
(atualizado às 17h46)
Compartilhar
Exibir comentários

O Ibovespa abriu a sessão desta quarta-feira (24) em alta, mas esfriou o ímpeto ao longo da manhã. Por volta do meio-dia, o índice recuava 0,21%, aos 124.888 pontos. Fechou em queda de 0,33%, aos 124.740 pontos.

A alta do minério de ferro, os indícios de avanço da agenda do governo e de redução de ruídos políticos são insuficientes para definir um norte ao Ibovespa hoje. Os juros futuros avançam, seguindo a valorização dos rendimentos dos títulos dos Tesouro dos Estados Unidos, o que pesa na Bolsa brasileira. Assim, ações ligadas ao ciclo econômico se destacam em baixa

Fica no radar a expectativa de que o governo envie hoje ao Congresso projetos de lei que complementam a reforma tributária.

A agenda de indicadores esvaziada e a espera pela divulgação do balanço da Vale, após o fechamento do mercado, geram volatilidade, assim como as questões fiscais.

O petróleo opera em queda, ao passo que a Petrobras se mantém no positivo: Petrobras ON (PETR3), +0,67% a R$ 43,75 e Petrobras PN (PETR4), +0,99% a R$ 41,82.

Já o minério de ferro fechou em alta de 3,08% nesta madrugada em Dalian, na China. Nessa esteira, e na expectativa pelo balanço desta noite, a Vale (VALE3) sobe 0,81% a R$ 63,29.

A maior alta do Ibov é da PetroReconcavo (RECV3), +1,75% a R$ 21,46, com a possibilidade de fusão com a Eneva (ENEV3). Braskem (BRKM5), +1,24% a R$ 22,84 e Lojas Renner (LREN3), +1,22% a R$ 15,75, completam o top-3.

Na ponta negativa do índice Bovespa, Petz (PETZ3) tem a maior queda com -5,63% a R$ 4,86, seguida por CVC (CVCB3), -5,29% a R$ 1,97 e Usiminas (USIM5), -4,84% a R$ 8,66.

Mercado em NY

As bolsas de Nova York operam em direção mista, com os investidores repercutindo balanços e à espera da divulgação de dados econômicos que saem ainda nesta semana.

Confira o desempenho do mercado em NY por volta do meio-dia:

  • Dow Jones: -0,20% a 38.424 pontos
  • S&P500: -0,04% a 5.067 pontos
  • Nasdaq: +0,35% a 15.751 pontos

Maiores altas e baixas do Ibovespa

Cotação do dólar

A cotação do dólar hoje fechou em alta de 0,35% a R$ 5,142.

O dólar hoje acompanha a alta dos treasuries nos Estados Unidos, com investidores aguardando dados econômicos a serem divulgados por lá.

Bolsas asiáticas fecham em alta com impulso de NY

As bolsas asiáticas fecharam em alta generalizada nesta quarta-feira (24), embaladas por Wall Street, que ontem subiu pelo segundo dia consecutivo.

Liderando os ganhos na Ásia hoje, o índice Taiex saltou 2,72% em Taiwan, a 20.131,74 pontos, enquanto o japonês Nikkei subiu 2,42% em Tóquio, a 38.460,08 pontos. O Hang Seng avançou 2,21% em Hong Kong, a 17.201,27 pontos, e o sul-coreano Kospi teve alta de 2,01% em Seul, a 2.675,75 pontos.

Na China continental, o dia também foi de ganhos, de 0,76% do Xangai Composto, a 3.044,82 pontos, e de 1,18% do menos abrangente Shenzhen Composto, a 1.694,82 pontos.

O apetite por risco veio após as bolsas de Nova York avançarem pelo segundo pregão seguido ontem, em reação aos balanços e aos PMIs fracos dos EUA, que melhoram as chances de o Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) adiantar planos de cortar juros.

Já na Oceania, a bolsa de Sydney ficou praticamente estável hoje, com baixa marginal de 0,01% do S&P/ASX 200, a 7.683,00 pontos, após números da inflação australiana mais altos do que o esperado gerarem incertezas sobre uma redução do juro básico local.

Último fechamento do Ibovespa

O Ibovespa encerrou a sessão de ontem (23) em queda de 0,34%, aos 125.148,07 pontos.

Suno
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade