PUBLICIDADE

Cannabis medicinal pode aliviar sintomas da menopausa; entenda

Mulheres que passam pela menopausa podem encontrar na cannabis medicinal uma solução para reduzir sintomas e desconforto

1 nov 2023 - 17h01
(atualizado às 18h38)
Compartilhar
Exibir comentários

A menopausa é uma fase inevitável e repleta de desafios para a maioria das mulheres. Durante o climatério, diversos sintomas afetam a qualidade de vida e o bem-estar. Isso leva as pacientes a buscarem diferentes alternativas para lidar com o desconforto. Nesse contexto, a cannabis medicinal pode ser uma eficiente forma de promover equilíbrio para o organismo. 

Cannabis medicinal pode aliviar sintomas da menopausa; entenda -
Cannabis medicinal pode aliviar sintomas da menopausa; entenda -
Foto: Shutterstock / Saúde em Dia

O Dr. Flavio Geraldes Alves, Presidente da Associação Pan-Americana de Medicina Canabinoide (APMC) e consultor médico da NuNature Labs, lembra que os fatores que mais geram incômodo na mulher que passa pelo climatério são as flutuações hormonais, a atrofia vaginal (que pode levar a incômodo e coceiras na relação sexual), as dores musculoesqueléticas (como a osteoporose) e os problemas urinários, como escapes e infecções de urina de repetição. 

Como a cannabis medicinal pode aliviar sintomas da menopausa?

De acordo com Flavio, a cannabis pode aliviar esses sintomas de diversas maneiras. "Por exemplo, o Canabidiol (CBD), um dos principais compostos da planta, tem propriedades anti-inflamatórias e analgésicas. Isso pode ajudar ajudar a reduzir as dores e desconfortos associados à menopausa", explica o médico. Além disso, o CBD também pode ajudar a regular os níveis de hormônios, o que alivia as flutuações hormonais e os sintomas associados.

O especialista explica que o canabidiol age no corpo através do sistema endocanabinoide, que é um sistema de sinalização presente em todos os mamíferos. "O CBD interage com os receptores desse sistema, que estão envolvidos em uma série de funções, incluindo a regulação da dor, do humor e do sono", afirma.

Portanto, a cannabis medicinal pode ser indicada para aliviar os sintomas da menopausa por causa de suas propriedades anti-inflamatórias, analgésicas, ansiolíticas e antidepressivas. "Além disso, o CBD também pode ajudar a regular os níveis de hormônios. Assim, pode ajudar a aliviar as flutuações hormonais e os sintomas associados", acrescenta o médico.

Flavio lembra que existem algumas contraindicações para o uso da cannabis medicinal. Entre elas, está a gravidez, amamentação, arritmias cardíacas, e quadro psicóticos. 

Saúde em Dia
Compartilhar
Publicidade
Publicidade