PUBLICIDADE

Nutricionista cita 12 alimentos para dieta cetogênica anti-inflamatória e antioxidante

Esses planos alimentares são indicados para quem quer emagrecer

9 jul 2024 - 14h07
Compartilhar
Exibir comentários

A dieta cetogênica é baseada na manutenção de níveis baixos de carboidratos e com quantidades variadas de proteína e gordura. Sendo assim, contribui para perda de peso, redução da hiperglicemia e melhora dos perfis lipídicos. Dessa maneira, a nutricionista Adriana Stavro vai citar 12 alimentos para dieta cetogênica anti-inflamatória e antioxidante.

Dieta cetogênica anti
Dieta cetogênica anti
Foto: inflamatória e antioxidante - Shutterstock / Sport Life

Os 12 alimentos para dieta cetogênica anti-inflamatória e antioxidante

Vegetais folhosos verdes escuros

Espinafre, couve, rúcula e acelga são excelentes fontes de fibras e nutrientes essenciais. Como, por exemplo, vitaminas A, C e K, que são importantes para manter a saúde do sistema imunológico e fortalecer os ossos.

Abacate

Rico em gorduras saudáveis, fibras e potássio, o abacate é o aliado perfeito para a dieta cetogênica. Afinal, ele ajuda a manter a saciedade, regula a pressão arterial e fornece energia estável ao longo do dia.

Oleaginosas

Amêndoas, nozes e castanhas são fontes de gorduras saudáveis, fibras e minerais como magnésio e zinco. Que ajudam a manter o corpo saciado, promover a saúde do coração e do sistema nervoso e contribuir para a função cognitiva.

Peixes gordurosos

Salmão, atum e sardinha são ricos em ácidos graxos ômega-3. Que têm propriedades anti-inflamatórias e são fundamentais para a saúde cardiovascular e cerebral. Além de ajudar na regulação do humor e na função cognitiva.

Azeite de oliva extravirgem

Fonte de gorduras monoinsaturadas e antioxidantes, o azeite de oliva extravirgem é conhecido por seus efeitos anti-inflamatórios e protetores do coração, além de fornecer uma fonte estável de energia para o corpo durante a cetose.

Ovos

Ricos em proteínas de alta qualidade, colina e antioxidantes como a luteína e a zeaxantina, os ovos são essenciais para a construção e reparação muscular, manutenção da saúde do cérebro e proteção dos olhos contra danos oxidativos.

Frutas vermelhas

Morangos, framboesas e mirtilos são baixos em carboidratos e ricos em antioxidantes, como antocianinas e vitamina C, que ajudam a combater o estresse oxidativo e promover a saúde do sistema imunológico e cardiovascular.

Vegetais crucíferos

Brócolis, couve-flor e repolho são fontes de antioxidantes e fibras, que ajudam a promover a saúde digestiva, regular os níveis de açúcar no sangue e fornecer nutrientes essenciais para o corpo durante a cetose.

Ervas frescas e especiarias

Salsa, coentro, hortelã, manjericão, alecrim, tomilho, orégano, cebolinha, sálvia, gengibre, alho, pimenta preta e cúrcuma são ricos em compostos bioativos com propriedades anti-inflamatórias, antioxidantes e digestivas, que ajudam a melhorar a saúde geral e o sabor dos pratos na dieta keto.

Bebidas

Água, chá de camomila, chá de erva-doce, chá de alecrim e água com limão são opções hidratantes e ricas em antioxidantes, que ajudam a manter o corpo hidratado e a promover a saúde geral durante a cetose.

Chá verde

Contém catequinas antioxidantes e compostos bioativos que ajudam a melhorar o metabolismo, promover a queima de gordura e reduzir o risco de doenças crônicas, sendo uma excelente opção para complementar a dieta cetogênica.

Cogumelos

Especialmente os tipos selvagens, têm propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias que ajudam a fortalecer o sistema imunológico, promover a saúde digestiva e fornecer uma fonte adicional de proteínas e fibras na dieta com baixo teor de carboidratos.

Sport Life
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade