PUBLICIDADE
Logo do

Dia dos Namorados

Saia já de casa! Veja dicas para desencalhar rapidinho

11 mai 2015 09h00
| atualizado em 12/5/2015 às 11h38
ver comentários
Publicidade

Se você está cansado da solteirice e de ver a maior parte dos seus amigos namorando e até se casando, calma! Você pode dar um fim nisso para não passar o dia 12 de junho a sós. A um mês do Dia dos Namorados, algumas dicas especiais de quem entende tudo sobre o assunto podem fazer você fugir dos erros mais comuns e tomar as atitudes certas na hora da paquera. Ah, o “guia prático” vale tanto para as meninas quanto para os meninos.

A um mês do Dia dos Namorados, algumas dicas especiais podem fazer a diferença na hora da paquera e facilitar a conquista de um novo amor
A um mês do Dia dos Namorados, algumas dicas especiais podem fazer a diferença na hora da paquera e facilitar a conquista de um novo amor
Foto: Shutterstock

Saia de casa
Quando procuramos alguém de fato, devemos estar abertos para isso. Portanto, homens e mulheres precisam sair de casa. “Aproveitem o dia de sol ou de chuva. Não deixem de ir a parques, cinemas, supermercados, shoppings, academias, bares, casas noturnas e encontrar os amigos. Vocês podem conhecer pessoas em muitos lugares”, alerta Thiago de Almeida, psicólogo, especialista no tratamento das dificuldades do relacionamento amoroso e autor dos livros "Relacionamentos amorosos: o antes, o durante... e o depois".

Tenha calma
Muitas pessoas têm medo de encarar o outro numa paquera, enquanto outras se jogam demais. Por isso, vá com calma, veja se a aproximação vale a pena e se é isso mesmo que você deseja. O mundo não acaba amanhã, ano que vem tem outro Dia dos Namorados e não existe uma lei que diga que você tem que estar com alguém neste dia.

Nunca seja muito direto
Ser óbvio pode causar um impacto de início, mas logo perde a força. “Melhor se aproximar sempre de forma oblíqua, indireta. Pode até armar uma situação que faça o encontro parecer uma obra do destino”, sugere Sergio Savian, psicanalista especializado em relacionamentos, autor de 14 livros, dentre eles "Paquera - brincadeira de gente grande”. Também é importante ter autocontrole. “Mesmo que você esteja muito atraído (a), não demonstre. Coloque um conta-gotas em seu desejo. Vá, pouco a pouco, ganhando a confiança do outro, e, quando for o momento certo, mude o canal e ataque”, ensina.

Seja você mesmo
Ao se produzir muito ou assumir uma postura estudada, você parecerá falso (a). E isso não conquista. Portanto, seja único (a) e original. Seja você mesmo, não perca a naturalidade e nem leve tudo muito a sério. “O bom-humor é tudo na hora da conquista. Já chega a vida que é dura e cheia de problemas. Na sedução, alegria é fundamental”, analisa Sergio.

Conte com a ajuda dos amigos
Você é tímido? Não se sente confortável para abordar alguém sozinho? Um amigo (a) extrovertido (a) pode ser a solução, mas escolha bem! Além de facilitar a aproximação, o apoio dessa terceira pessoa poderá demonstrar que você é bem relacionado (a) e que existem pessoas legais que lhe querem bem. “Se você é alvo de tanto interesse, deve ser bom", pensará seu (sua) pretendente.

Fonte: Agência Hélice
Publicidade
Publicidade