PUBLICIDADE

Hora da limpeza: dicas para escolher o melhor modelo de mop

Saiba o que considerar para fazer uma melhor decisão na hora de investir em um modelo de mop

20 mai 2022 14h04
ver comentários
Publicidade
Existem vários modelos de mop, cada um com as suas vantagens
Existem vários modelos de mop, cada um com as suas vantagens
Foto: Shutterstock / Alto Astral

O mop é um item de limpeza que é um grande aliado de uma limpeza mais rápida e eficiente da casa, não é mesmo? Afinal, o objeto, que é parecido com um rodo, funciona de forma similar a um esfregão com várias funções. Ele é muito útil para varrer, tirar pó ou passar pano no piso, por exemplo, além de poder ser usado também para limpar paredes ou portas de vidro em certos casos.

Muito fácil de usar, o mop existe em vários modelos, tipos e marcas diferentes. Com isso, é necessário fazer um pouco de pesquisa antes de comprar o objeto, para escolher a melhor opção e não acabar fazendo um investimento ruim.

E, para te ajudar com essa decisão, trazemos a seguir as diferenças entre os principais modelos de mop e quais características devem ser levadas em conta na hora da compra:

Modelos de mop

Basicamente, existem três modelos principais de mop: vassoura, giratório e spray. E cada um deles tem as suas vantagens, viu?

Mop vassoura:

O mop do tipo vassoura é o mais simples, servindo principalmente como substituto da vassoura na hora de tirar o pó e outras sujeiras do chão.

O item, inclusive, tem uma vantagem em relação às vassouras tradicionais, já que o pano na sua base consegue retirar do piso poeiras mais finas do que as vassouras comuns.

Esse modelo de mop ainda conta, geralmente, com uma pá interna para armazenar as sujeiras coletadas, que deve ser esvaziada após o uso.

O mop é muito útil para tirar o pó do chão - Shutterstock
O mop é muito útil para tirar o pó do chão - Shutterstock
Foto: Alto Astral

Mop giratório:

Já o mop do tipo giratório, que é geralmente utilizado úmido, é um pouco mais avançado e pode ser usado para os dias de faxina mais pesada, já que pode substituir vários dos outros itens de limpeza, principalmente o rodo. Assim, é possível, inclusive, fazer a limpeza do chão inteiro usando apenas esse mop, viu?

O mop giratório é bom para aquela limpeza caprichada - Shutterstock
O mop giratório é bom para aquela limpeza caprichada - Shutterstock
Foto: Alto Astral

Mop de spray:

O mop do tipo spray, por sua vez, tem uma aparência muito parecida com um rodo, porém possui uma capa que impede que ele arranhe o piso. Além disso, seu formato é bem diferente, já que possui uma base plana para a limpeza.

Ele é muito utilizado quando o chão já está varrido e aspirado e seu principal diferencial é um reservatório em que você pode colocar algum produto de limpeza, que é aplicado no piso quando você aperta um gatilho no mop.

O mop spray conta com um reservatório para produtos de limpeza - Shutterstock
O mop spray conta com um reservatório para produtos de limpeza - Shutterstock
Foto: Alto Astral

Critérios para considerar:

Depois de escolher qual o melhor modelo de mop para as suas necessidades, você também deve considerar outros aspectos antes de fazer a compra. Muitos mops vêm, por exemplo, com um balde, e nesse caso é interessante pensar na capacidade dele e no tamanho do espaço que você vai limpar com ele. Considerar a capacidade do reservatório para produtos de limpeza do mop spray também é importante. 

O material, tanto do balde quanto do esfregão, também é um fator importante para a qualidade do mop. Isso porque o material do esfregão pode afetar a sua resistência e durabilidade, por exemplo. Nesse sentido, os de fibras sintéticas são melhores, mas os de fibras naturais também têm muitas vantagens, especialmente os de algodão, que podem ser passados em qualquer superfície.

Por fim, a altura do cabo também deve ser considerada, principalmente se ela não for do tipo ajustável. Afinal, não é nada confortável ter que ficar com o corpo todo curvado durante a limpeza por conta do cabo curto do mop.

Alto Astral
Publicidade
Publicidade