PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Vulcão Etna solta anéis de fumaça e deixa turistas e moradores preocupados na Sicília; vídeo

Embora o fenômeno seja impactante, especialistas em vulcões afirmaram que o fenômeno não é um alerta de erupção

10 abr 2024 - 12h42
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
O Vulcão Etna, na Sicília, sul da Itália, começou a emitir anéis de fumaça, preocupando turistas e moradores locais. Esta não é a primeira vez que o Monte Etna encanta os espectadores com esse evento, explicado pela explosão de bolhas de gás.
Vulcão Etna expelindo anéis de fumaça
Vulcão Etna expelindo anéis de fumaça
Foto: Reprodução/Redes Sociais

O Vulcão Etna, o mais ativo da Europa, começou a emitir anéis de fumaça, na Sicília, no sul da Itália.Turistas e moradores locais ficaram preocupados com a atividade do vulcão. O fenômeno raro foi registrado em vídeo e divulgado nas redes sociais na última semana. 

Segundo informações da Reuters, essa não é a primeira vez que o Monte Etna encanta os espectadores com seu sopro de anéis de fumaça. Boris Behncke, vulcanologista do Instituto Nacional de Geofísica e Vulcanologia de Catânia, explicou como acontece o processo da explosão de bolhas dos anéis.

“Esses anéis são produzidos pela explosão de bolhas de gás dentro de um conduto estreito [acima de uma câmara de magma], que dispara o gás em alta velocidade em direção à superfície”, contou para a agência. 

“Esta mês o Etna quebrou todos os recordes anteriores com a frequência dos anéis”, completou Boris Behncke.De acordo com Giuseppe Barbagallo, um guia local, um buraco em forma de círculo se formou há alguns dias na cratera sudeste do vulcão Etna, o que possibilitou a formação de vários anéis de fumaça.

Segundo ele, por conta dos anéis, os moradores locais chamaram apelidaram o Etna de 'Dama dos Anéis'. Embora sejam menos comuns, os anéis de fumaça não são um alerta de uma possível erupção vulcânica. A última grande erupção do Etna foi registrada no final de 2023.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade